Lance Palmeiras marca presença em congresso e dirigente português explica o convite

Palmeiras marca presença em congresso e dirigente português explica o convite

Tiago Madureira, diretor executivo de conteúdos e mídia da Liga Portugal, analisou a participação do time brasileiro como representante internacional

Lance
Lance

Lance

Lance

O Verdão, a convite da Liga Portugal, esteve presente na edição de 2021 do FuteCOM – um congresso para discutir futebol – representado por Luciano Signorini, diretor de comunicação do clube. Em virtude do contexto, o tema debatido foi em relação aos efeitos práticos da Covid-19 no esporte.

Tiago Madureira, executivo da Liga Portugal, falou com exclusividade ao NOSSO PALESTRA sobre o porquê da escolha pelo Palmeiras como palestrante.

>> Mercado da bola: clubes que mais gastaram da temporada 2010/11 para cá
>> Confira a classificação atualizada do Brasileirão e faça sua simulação

– Foi chamado porque este congresso que costumamos organizar tem tido ao longo dos anos muitos convidados internacionais e, neste ano, fruto daquilo que tem sido o sucesso dos treinadores portugueses no Brasil, e tendo estado o Abel a fazer este trabalho excelente por aí, achamos que seria muito apropriado ter o Palmeiras. Fomos vendo o trabalho que o Palmeiras tem feito e é um trabalho incrível na área da comunicação, então achamos que seria importante termos um integrante da liga brasileira, até pela relação próxima que existe entre Brasil e Portugal, por causa da língua, mas principalmente pelo interesse que há pelo Abel ser o treinador.

O diretor português comentou também sobre sua visão em relação à presença de técnicos portugueses no Brasil e avaliou o intercâmbio cultural e o consequente estreitamento dos laços entre os países no futebol.

– Nós vimos como um sucesso. Somos um país menor, mas que tem o mérito de ter os melhores do mundo, e ficamos felizes de ver que se abriu esta porta no Brasil. Não é coincidência que um treinador português esteja numa equipe brasileira na final da Libertadores pelo segundo ano consecutivo. Tem havido um aumento do interesse aqui das ligas brasileiras, há muitos brasileiros jogando aqui em Portugal por termos essa ligação natural entre os países. Os brasileiros são a maior nacionalidade estrangeira a jogar aqui em Portugal, somos uma porta de entrada para a Europa para muitos deles. Temos feito um trabalho com a Fox e a ESPN, pois sei que transmitem também a liga portuguesa aí no Brasil, para conseguirmos aumentar a relação entre as ligas e o futebol dos dois países.

uanto à participação do diretor palmeirense, Luciano relatou as principais frentes de atuação da diretoria alviverde na pandemia. Em especial, abordou o comprometimento dos atletas e da comissão técnica com a redução de salários, temporariamente, para aliviar os prejuízos da falta de jogos, o que possibilitou a manutenção do pagamento de todos os funcionários do clube, sem nenhuma demissão. Além disso, revelou algumas estratégias adotadas para manter os torcedores entretidos e conectados com seu time de coração nesse período.

Últimas