Lance Murilo explica como o Palmeiras se reajustou depois das expulsões: 'Sempre a cabeça fria'

Murilo explica como o Palmeiras se reajustou depois das expulsões: 'Sempre a cabeça fria'

Autor do gol que deu a classificação ao Verdão nos pênaltis, zagueiro destacou a força mental do time, com o qual se sente em casa mesmo tendo chegado neste ano

Lance
  • Lance | por Lance


O Palmeiras conquistou um classificação heroica na Libertadores ao bater o Atlético-MG, nos pênaltis, após ter dois jogadores expulsos no tempo normal. E o responsável para marcar o gol da vaga na semifinal foi o zagueiro Murilo, que destacou a força mental do grupo para sustentar a desvantagem numérica e levar a melhor na decisão.

GALERIA
> Relembre as contratações do Palmeiras na Era Anderson Barros

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2022 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Em entrevista na zona mista do Allianz Parque, o zagueiro explicou como o time se reajustou em campo após perder Danilo, no primeiro tempo, e depois Gustavo Scarpa, no segundo. Segundo o defensor, tudo depende da concentração e de seguir as orientações de Abel.

- É se manter focado, com a cabeça boa, sempre a cabeça fria, para quando essas coisas acontecerem a gente estar sempre concentrado, ligado, isso é o fundamental, é o que a nossa equipe sempre vem mantendo, sempre mantendo o foco e no alto nível - disse Murilo.

- É um conjunto de coisas, a inteligência dos jogadores, todos aqui no Palmeiras são de alto nível, então isso é fundamental para quando ele (Abel) chama já para organizar rápido, quando volta do intervalo, o que ele fala para a gente cumprir muito bem e hoje a gente fez isso, todos cumpriram muito bem taticamente, dando a vida, o máximo dentro de campo, para ir para os pênaltis e poder classificar.

Ficou a cargo de Murilo a responsabilidade de bater o último pênalti da decisão, logo após Weverton defender a cobrança de Rubens. De acordo com o zagueiro, já havia a confiança de que o goleiro pegaria.

- Eu estava muito confiante que o Weverton ia pegar ali, graças a Deus foi um antes de eu bater, então eu fui confiante, fui tranquilo para quando chegasse o momento, eu finalizasse e deu tudo certo.

Contratado no início desta temporada para reforçar o setor da zaga alviverde, Murilo se tornou titular absoluto ao lado de Gustavo Gómez e, mesmo chegando em um grupo que está há muito tempo junto, ele se sente em casa vestindo a camisa do Palmeiras.

- Me sinto em casa, me sinto muito bem de poder estar aqui, vestindo a camisa do Palmeiras, com todo esse grupo, esse elenco, que me recebeu muito bem. Cada vez eu faço mais amizade, me sinto mais próximo deles e isso é fundamental dentro e fora de campo.

O Palmeiras volta a campo neste sábado, às 19h, para enfrentar o Corinthians, na Neo Química Arena, pela 22ª rodada do Brasileirão. Na Libertadores o Verdão aguarda o vencedor do confronto entre Estudiantes x Athletico-PR, que duelam nesta quinta, na Argentina.

Murilo - Palmeiras

Murilo - Palmeiras

Lance

Murilo falou na zona mista (Foto: Reprodução/Lance TV)

Últimas