Mauro vê injustiças nas comparações dos trabalhos de Jesus e Domènec

Flamengo tenta se encontrar sob o comando do técnico catalão 

Lance

Lance

Lance

Jorge Jesus deixou o Flamengo rumo ao Benfica, de Portugal, após um ano que ficará marcado na memória de todos os rubro-negros. O técnico Domènec Torrent foi o escolhido para substituir o 'Mister' e chegou com moral e o status de ex-auxiliar de Pep Guardiola.

Entretanto, o começo de trabalho do catalão tem gerado questionamentos entre os torcedores. Em cinco rodadas no Brasileirão, o time ainda não engrenou e mais uma vez foi alvo de críticas após o empate por 1 a 1 com o Botafogo, no último domingo.

No podcast 'Posse de Bola', o comentarista Mauro Cezar defendeu o técnico catalão nas comparações com Jorge Jesus. Para o jornalista, é uma injustiça comparar o trabalho do recém-contratado com o time do Mister no ápice com as conquistas do Brasileirão e Libertadores.

- Acho muito cruel a comparação que é feita por parte da imprensa e a maioria da torcida, pelo que sinto, que a comparação é assim, é o início do trabalho de um, o técnico atual, com os melhores momentos do trabalho do outro, então você está comparando algo pronto, concluído, maduro, um trabalho já consolidado, que acabou, do Jorge Jesus, com o trabalho que está começando, aí é complicado, é óbvio que não vai estar nesse estágio - afirmou.