Lance Luisa Stefani vai à final em Montreal e se garante no top 20

Luisa Stefani vai à final em Montreal e se garante no top 20

Brasileira e canadense emplacaram mais uma grande atuação juntas

Lance
Lance

Lance

Lance

Segue embalada a brasileira Luisa Stefani, 22ª do mundo e medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão. Ela e a canadense Gabriela Dabrowski, 15ª colocada, alcançaram a final no WTA 1000 de Montreal, no Canadá, na noite deste sábado.

A paulistana e a parceira derrotaram a dupla da russa Veronika Kudermetova, vice-campeã de Wimbledon e a cazaque Elena Rybakina, por 2 sets a 0 com parciais de 6/2 6/3 após 1h01min na quadra central.

Luisa e Gaby foram firmes quase que o tempo todo. Conseguiram duas quebras no primeiro set, abriram 3 a 0 no segundo, jogaram mal um game de saque da canadense, foram quebradas de volta, mas Gaby deu um belo lob e a dupla viu um erro das rivais para quebrarem de novo e definiram a vitória no saque da brasileira.

Este é o terceiro torneio da dupla e a terceira final. Elas foram vice-campeãs semana passada no WTA 500 de San Jose, na Califórnia, com a brasileira chegando em cima da hora pelo Bronze com Laura Pigossi no Japão. Havia sido a estreia da dupla junta após a lesão de Hayley Carter e da mudança de Stefani. Ano passado, Stefani e Dabrowski haviam jogado um torneio no WTA 500 de Ostrava, na República Tcheca, também com final.

Neste domingo elas tentam a revanche contra a eslovena Andreja Klepac e a croata Darija Jurak que as derrotaram por 6/1 7/5 na final de San Jose no último domingo.

Luisa tenta seu terceiro título na carreira e primeiro do ano. Ela joga sua segunda final de WTA 1000 na carreira tendo sido vice este ano em Miami, nos EUA, com Carter.

Pelo resultado, Stefani garante vaga pela primeira vez no grupo das 20 melhores do mundo com o 20º lugar e, caso conquiste o caneco, será a 19ª.

Últimas