Lance Internautas relembram aniversário de classificação da Chapecoense para finais da Sul-Americana em 2016

Internautas relembram aniversário de classificação da Chapecoense para finais da Sul-Americana em 2016

Momento de glória antecedeu a maior tragédia da história do futebol brasileiro, marcada pela queda do avião da equipe quando viajavam para a primeira partida das finais

Lance
Lance

Lance

Lance

Um momento de felicidade extrema sucedido pela maior tragédia da história do futebol brasileiro. Assim pode se considerar a classificação da Chapecoense sobre o San Lorenzo à final da Copa Sul-Americana no dia 23 de novembro de 2016. Nesta segunda-feira, quatro anos depois, internautas lembraram desse dia de glória nas redes sociais.

A classificação foi inédita na história do clube, assim como o título conquistado como forma de homenagem do rival, Atlético Nacional, da Colômbia, nas finais que não aconteceram devido a queda do avião da Chape na madrugada do dia 28 de novembro daquele ano. A equipe colombiana solicitou que à Conmebol considerasse a equipe brasileira campeã. E assim foi feito.

No desastre apenas três jogadores da Chapecoense sobreviveram: o lateral Alan Ruschel, o goleiro Jakson Follmann, que teve que amputar uma das pernas, e o zagueiro Neto. Dois integrantes da tripulação e o jornalista Rafael Henzel também sobreviveram, porém as demais 71 pessoas a bordo morreram.

Confira alguns dos comentários feitos pelos internautas sobre a equipe que ficou marcada na história do futebol.

Últimas