Hugo Calderano volta a ocupar a sexta posição do ranking mundial

Há 18 meses no Top 10, carioca de 23 anos reassume melhor posto da carreira

Lance

Lance

Lance

Há 18 meses no top 10 do ranking mundial, Hugo Calderano reassumiu a sexta posição na lista de abril divulgada nesta quinta-feira pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF). O carioca de 23 anos saltou uma colocação e voltou ao melhor posto da carreira, estratégico na busca por um melhor chaveamento nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

O objetivo de Hugo é chegar ao evento do ano que vem entre os quatro primeiros cabeças de chave, o que evitaria confrontos com chineses até pelo menos as semifinais. Ao pular para sexto na lista da ITTF, o brasileiro assumiu justamente a quarta posição do ranking olímpico, que permite no máximo dois atletas por país.

A ITTF atrasou a divulgação do ranking de abril para decidir internamente como a pontuação dos atletas seria impactada pela suspensão do calendário internacional, provocada pela pandemia do novo coronavírus. Em março, somente parte das competições foi realizada, mas seus pontos foram contabilizados.

O ranking permanecerá congelado enquanto não houver a retomada do calendário. A ITTF suspendeu todos os seus eventos até pelo menos 30 de junho, podendo prorrogar o prazo de acordo com o avanço da pandemia. A entidade tem feito reuniões periódicas para avaliar o cenário.

Hugo passou as últimas semanas na cidade de Ochsenhausen, na Alemanha, onde mora há cerca de seis anos e defende o Liebherr Ochsenhausen. Diante das restrições de mobilidade social, ele chegou a levar uma mesa para treinar dentro de seu apartamento, mas, nesta semana, recebeu autorização para realizar atividades no ginásio do seu clube.

A ITTF suspendeu em 13 de março todo o calendário de competições internacionais pelo menos até o fim de abril. No último dia 29, no entanto, a entidade estendeu o prazo até 30 de junho, podendo ser reavaliado até lá.

O Campeonato Mundial por equipes, inicialmente agendado para o fim de março, chegou a ser adiado para junho, mas já tem nova programação prevista: deve ser realizado de 27 de setembro a 4 de outubro, em Busan, na Coreia do Sul. Entre as demais competições afetadas estão etapas Platinum do Circuito Mundial e Pré-Olímpicos, ainda sem datas para serem disputadas.

A Bundesliga, liga alemã de tênis de mesa, também tomou decisões importantes em virtude da pandemia: cancelou a última rodada da fase de classificação, marcada para 13 de abril, e suspendeu os playoffs pelo menos até 31 de maio. Ainda não há uma posição definitiva sobre as datas de semis e final.

Como os semifinalistas da liga já estavam definidos, o cancelamento da última rodada não provocou prejuízos às equipes. O Liebherr Ochsenhausen, time que Hugo defende, se classificou na terceira posição e enfrentará Borussia Düsseldorf na disputa por uma vaga na final. Do outro lado da chave está o duelo entre Saarbrücken-TT e Werder Bremen.