Lance Gritos de “burro” marcam volta da torcida do Athletico-PR à Arena da Baixada

Gritos de “burro” marcam volta da torcida do Athletico-PR à Arena da Baixada

Além dos xingamentos ao treinador Alberto Valentim, o torcedor ainda enfrentou filas para entrar na Arena da Baixada

Lance
Lance

Lance

Lance

O dia 09 de outubro foi histórico para toda a torcida do Athletico Paranaense. Foi a data que marcou a volta do torcedor, após quase 600 dias sem os torcedores do Furacão poderem frequentar novamente o estádio da Baixada.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Mas a volta do torcedor não foi nada agradável. Começando antes do jogo, quando os torcedores do Furacão enfrentaram problemas nas catracas, além da vistoria de quem tinha feito os testes ou não, haja vista que os testes eram obrigatórios para ver a partida.

Se o torcedor não ficou muito feliz com a demora fora de campo, a raiva aumentou conforme o tempo foi passando e a equipe Bahia conseguiu construir uma excelente vitória fora de casa contra o Athletico-PR.

Apesar dos pouco mais de 3 mil torcedores terem apoiado no início da partida, a paciência da torcida Rubro-Negra acabou assim que o treinador Alberto Valentim tirou Terans para colocar Pedro Rocha. Imediatamente começaram os gritos de “burro”.

Vale ressaltar que esse é o segundo jogo do treinador no comando do time do Athetico-PR. Ele estreou com vitória sobre o Atlético-GO pelo placar de 2 a 0.

Últimas