Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Vasco quer jogar como mandante no Rio e pode brigar pelo Maracanã

Após Justiça decidir pela manutenção de jogos sem torcida em São Januário, Cruz-Maltino analisa alternativas; entenda

Futebol|Do R7

Última partida do Vasco no Maracanã foi na vitória diante do Galo
Última partida do Vasco no Maracanã foi na vitória diante do Galo Última partida do Vasco no Maracanã foi na vitória diante do Galo

No julgamento desta última quarta-feira (30), a decisão tomada pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) foi pela manutenção dos jogos sem torcida em São Januário. Diante disso, uma dúvida paira no ar: onde o Vasco vai jogar com seu torcedor, já que não está autorizado na Colina Histórica? Entenda as opções.

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

O Vasco quer São Januário de volta com torcida a todo custo, mas não conseguiu reverter a decisão na Justiça. Além disso, o clube não quer abrir mão de jogar no Rio de Janeiro. Com isso, as opções não são tão simples assim. Isso porque esbarram em problemas que passam por questões esportivas ou até mesmo políticas.

Publicidade

MARACANÃ

O Maracanã vai reabrir no próximo dia 17, para sediar o primeiro jogo da final da Copa do Brasil entre Flamengo e São Paulo. A vontade do Vasco é jogar no Maracanã no dia 16, véspera da final.

Publicidade

Segundo informações apuradas pela reportagem, o Vasco entende que se o Maracanã "vai estar aberto no dia 17 também pode abrir no dia 16". Em contato com a reportagem, um dirigente do clube desconversou e preferiu "não revelar as estratégias".

NILTON SANTOS

Publicidade

O Vasco não descarta a possibilidade de mandar o jogo no Nilton Santos. Porém, a decisão esbarra na questão esportiva. O gramado é sintético na casa do Botafogo e o departamento de futebol teria que discutir esta opção.

RAULINO DE OLIVEIRA (VOLTA REDONDA)

Segundo informações apuradas pela reportagem, o Vasco prefere jogar em São Januário com os portões fechados do que que mandar a partida no Raulino de Oliveira. A logística é o principal problema.

KLEBER ANDRADE (CARIACICA)

O governador do Espírito Santo declarou nesta quarta-feira (30) que o Estádio Kleber Andrade está preparado para receber qualquer time, e se encontra a disposição do Vasco. Desta forma, o clube tem mais uma opção de local para sediar o jogo.

LUSO-BRASILEIRO (ILHA DO GOVERNADOR)

É mais uma alternativa para o Vasco. No entanto, o clube teria problemas com o lucro, uma vez que arrecadaria pouco com bilheteria. O Vasco já jogou nesta temporada, no Luso-Brasileiro. Duas partidas como visitante no Campeonato Carioca, contra o Audax e contra a Portuguesa. Além disso, foi mandante em um confronto no Brasileirão. Na ocasião, venceu o Cuiabá por 1 a 0.

MANÉ GARRINCHA (BRASÍLIA)

O Vasco mostrou interesse em mandar a partida contra o São Paulo no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Em nota, a assessoria da arena informou que a data está reservada para receber o jogo.

ARENA DA AMAZÔNIA (MANAUS)

Esta é a possibilidade mais remota. Porém, o Vasco conta com inúmeros torcedores em Manaus, o que pode trazer uma sensação de estar jogando em "casa". Vale lembrar que a divulgação do novo primeiro uniforme foi todo feito na Amazônia.

Com a indefinição momentânea sobre onde o Vasco vai jogar como mandante, o jogo contra o Fluminense segue sem local definido. O clássico será às 16h, do dia 16 de setembro.

Quem são os atletas que mais ganham dinheiro nas redes e o que eles podem comprar com um post?

" gallery_id="64dd30c1cd77c0c8df00088d" url_iframe_gallery="esportes.r7.com/lance/futebol/vasco-quer-jogar-como-mandante-no-rio-e-pode-brigar-pelo-maracana-31082023"]

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.