Futebol Torcida do São Paulo protesta e pede saídas de Diniz e Daniel Alves

Torcida do São Paulo protesta e pede saídas de Diniz e Daniel Alves

Inconformado com derrotas, grupo de torcedores se reuniu na porta do CT da Barra Funda na manhã desta sexta-feira

Lance
Principal alvo do grupo de torcedores era o técnico Fernando Diniz

Principal alvo do grupo de torcedores era o técnico Fernando Diniz

Lance

A manhã desta sexta-feira (22), foi marcada por um protesto de torcedores do São Paulo no CT da Barra Funda. Com faixas, eles pediram as saídas do técnico Fernando Diniz e do meia Daniel Alves, camisa dez e capitão do time.

Em vídeos que circulam nas redes sociais, é possível ver a torcida jogando milhos de pipoca e gritando 'time pipoqueiro'. “Diniz, c****, pede demissão”, “vergonha, vergonha, vergonha, time sem vergonha” e “Daniel Alves, vai se f****, o meu São Paulo não precisa de você” foram alguns cânticos usados pelos torcedores são-paulinos.

A torcida também lembrou do longo jejum de títulos. Em uma das faixas, eles escreveram 'Chega. 12 anos de vexames'. Vale ressaltar que o São Paulo venceu a Sul-Americana de 2012, mas os dizeres se referem ao último título brasileiro da equipe, conquistado em 2008.

O São Paulo vive fase ruim na temporada. Após ser goleado por 5 a 1 para o Internacional no Morumbi, a equipe perdeu a liderança do Campeonato Brasileiro, onde chegou a ter vantagem de sete pontos.

Após a derrota, cresceu a pressão sobre o trabalho do técnico Fernando Diniz, que foi mantido no cargo. Na última quinta-feira, o diretor executivo Raí e o capitão Daniel Alves concederam entrevista coletiva e ressaltaram a confiança que possuem no trabalho do treinador, que dirige o São Paulo desde 2019.

A prova de fogo deve ser contra o Coritiba, no próximo sábado (23), às 19h, no Morumbi, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Uma derrota pode decretar a saída da comissão técnica do São Paulo e agravar a crise.

Santos tem atleta mais jovem a assinar com marca esportiva

Últimas