Futebol Renato dispensa status de favorito e elogia Gabigol: 'É um dos jogadores que garante o emprego do treinador'

Renato dispensa status de favorito e elogia Gabigol: 'É um dos jogadores que garante o emprego do treinador'

Flamengo de Portaluppi, agora, aguarda quem passar de Fluminense x Barcelona-EQU para o duelo da próxima fase no torneio

Lance
Lance

Lance

Lance

O Flamengo passeou diante do Olimpia, novamente, desta vez em duelo realizado nesta quarta-feira, pelo duelo de volta das quartas de final da Libertadores. Em um Mané Garrincha com cerca de 11 mil torcedores, o Rubro-Negro venceu por 5 a 1, e Renato Gaúcho, além de despachar um possível status de favorito pela campanha arrasadora, rasgou elogios a Gabigol - autor de dois gols na noite de hoje.

- É importantíssimo para o grupo. Faz muitos gols, ajuda a equipe e procuro dar conselho, corrigir para que faça gols. É um dos jogadores que garante o emprego do treinador. É importante fazer gol não só de perna esquerda. Tem que chutar de direita, de cabeça... Espero continuar ajudando para seguirmos avançando nas competições. O Flamengo respeita todos os adversários, mas joga sempre para vencer e ser campeão. Para isso, precisamos de jogadores como o Gabigol.

No placar agregado, o Flamengo avançou com vantagem de 9 a 2, já que havia triunfado por 4 a 1 na ida. Agora, o Rubro-Negro espera o vencedor do confronto entre Fluminense e Barcelona-EQU, que empataram no primeiro jogo (2x2) e que voltam a duelar em Guaiaquil amanhã, para saber o rival das semi.

+ Veja o chaveamento da Libertadores até a final

Flamengo x Olimpia

Flamengo x Olimpia

Lance

Renato Gaúcho durante o jogo contra o Olimpia (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

- Não temos que pensar na decisão. O objetivo é esse, mas temos uma semifinal pela frente. Não acho que o Flamengo seja favorito. Vamos respeitar Barcelona e Fluminense, e fizemos a nossa parte. Vamos esperar o adversário sabendo que é uma partida de 180 minutos e encontraremos dificuldade.

Agora, o Flamengo de Renato Gaúcho visita o Ceará, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, às 16h deste domingo, no Castelão (veja a tabela aqui).

Confira outras respostas de Renato Gaúcho na coletiva:

Intensidade e 'fome' da equipe

- É uma exigência que faço ao meu grupo. Cobro muito. O maior respeito ao adversário é fazer o gol sem tirar onda, dar chapéu, caneta... Meu grupo é muito sério. Se tiver chance, tem que fazer gol. Quanto mais gol fizer, mais tranquilidade terá a equipe.

- Temos um grupo que joga sempre para vencer. Treinamos bastante, criamos bastante e o mais importante é ter o aproveitamento bom quando as chances aparecem. Buscamos isso, que é resultado do trabalho. São jogadores diferenciados, de seleção, acima da média e que criam bastante.

Máquina de goleadas

- Você não pode prever o futuro, mas a gente sempre trabalha para vencer. Falei para entrarmos ligados e 1 x 0 seria goleada. O grupo cria bastante e faz os gols, não desperdiça. O grupo é forte e foi montado para isso. Estamos disputando três competições e o objetivo é conquistar os títulos. Temos que pensar grande.

A chegada de reforços

- É difícil falar que não tem mais espaço no grupo. Independentemente do elenco, todo reforço é bem-vindo. Quanto mais forte o grupo, mais chance teremos de conquistar. O Kenedy vai ser muito bem-vindo, conheço de 2014 no Fluminense, estava na Europa e tem muita qualidade.

Postura do Olímpia

- Converso bastante com o grupo durante a semana nas preleções justamente para que não entrem em provocação. Temos um grupo forte, bom e o objetivo é sempre vencer, passar de fase. Chegamos a uma semifinal e o objetivo, respeitando qualquer adversário, é passar também para a final. Não podemos entrar em provocações porque um cartão pode fazer a diferença na frente. Peço calma e que não provoquem. Minha equipe não provoca, tem o maior respeito.

Período no Flamengo

- Se é o Flamengo do Renato, eu não sei. Mas sei que onde trabalho, eu gosto de alegria, entrega e responsabilidade. Não deixo de cobrar do grupo nos treinos, nos jogos, mas é um grupo muito responsável. Temos o mesmo objetivo, que é buscar títulos. Seremos cobrados por todos e gostamos de responsabilidade e desafios.

Últimas