Presidente do Real Madrid anuncia que clube não mandará jogos no Santiago Bernabéu no restante da temporada

Lendário estádio do clube espanhol está passando por reformas e jogos serão mandados no estádio Alfredo Di Stéfano, onde equipe de base atua

Lance

Lance

Lance

Com o futebol prestes a voltar na Espanha após a paralisação por conta da pandemia de coronavírus, o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, anunciou nesta segunda-feira que o clube merengue não atuará no estádio Santiago Bernabéu até o fim da temporada.

Como as competições precisaram ser interrompidas, o clube espanhol decidiu por começar obras de reforma no estádio enquanto não estavam tendo jogos. E já que as partidas na volta do esporte serão com portões fechados, a direção madrilenha achou melhor mandar os jogos no estádio Alfredo Di Stéfano, que fica na Cidade Real Madrid, o centro de treinamentos do clube. O estádio também é utilizado pelo Real Madrid Castilla, categoria de base da equipe.

Além do anúncio sobre o estádio, Florentino Pérez também informou aos sócios que tinham ingressos adquiridos até o fim da temporada que o clube fará o reembolso do valor.

VEJA A CARTA DO PRESIDENTE FLORENTINO PÉREZ
"Caro sócio:

Desejo antes de tudo que você e sua família estejam bem, apesar dessas circunstâncias difíceis. No Real Madrid, estamos muito conscientes da dureza desses momentos e é por isso que desejo enviar uma mensagem de apoio, solidariedade e carinho a quem sofreu diretamente as consequências desta terrível pandemia; e de uma maneira muito especial para todas as famílias que perderam um ente querido.

Embora aos poucos recuperemos uma certa normalidade, ainda há um longo caminho a percorrer. Não devemos esquecer que os grandes desafios desta situação só podem ser superados com a força que a união de todos os sócios nos dão.

O futebol está sendo atingido com força, como a maioria da sociedade. Durante este período, continuamos trabalhando para minimizar, tanto quanto possível, os grandes danos econômicos derivados das medidas impostas para impedir a propagação da doença.

Neste processo, quero destacar o esforço coletivo de jogadores, treinadores, executivos e funcionários do clube que renunciaram de parte de seus salários, para reduzir a perda econômica previsível. Na mesma linha, também quero agradecer a generosidade dos associados que se dirigiram ao clube, expressando sua intenção de renunciar a seus direitos derivados da interrupção de competições.

Neste sentido, nos próximos dias, você receberá uma comunicado do clube, na qual serão apresentadas as diferentes opções oferecidas aos associados pagos para compensar o valor dos jogos da temporada 2019-20 que serão realizados a portas fechadas.

Já existe uma data para a liga de futebol recomeçar. As partidas restantes a serem disputadas ocorrerão sem nossos torcedores nas arquibancadas. Por este motivo, decidimos jogar no estádio Alfredo Di Stéfano, em nossa Cidade Real Madrid, todos os jogos em que jogaremos como mandante. Esta decisão nos permitirá avançar nas obras do estádio Santiago Bernabéu.

Mais uma vez, quero expressar minha profunda gratidão pelo seu comprometimento e lealdade nestes tempos difíceis. Permaneceremos unidos à ilusão de que em breve estaremos novamente no nosso estádio Santiago Bernabéu, vivendo as emoções que fizeram o Real Madrid sentir-se único.

Hoje, mais do que nunca, desejo a você e a seus entes queridos saúde e espero superar este tempo de adversidade.

Um abraço forte,

Florentino Pérez"