Futebol Presidente do PSG fala sobre chegada de Messi, explica situação de Mbappé e tira peso sobre Champions: 'Não sei se somos favoritos'

Presidente do PSG fala sobre chegada de Messi, explica situação de Mbappé e tira peso sobre Champions: 'Não sei se somos favoritos'

Mandatário do clube francês disse que contratação do argentino é histórica, mas não coloca equipe como principal candidata ao título europeu: 'Manter os pés no chão'

Lance
Lance

Lance

Lance

Dia de festa em Paris. Durante a apresentação de Lionel Messi como novo reforço do PSG, o presidente do clube francês, Nasser Al-Khelaïfi também falou com a imprensa no auditório do Parque dos Príncipes. Antes das primeiras palavras do argentino, o dirigente fez um pronunciamento.

+ Veja a tabela e os jogos da Ligue 1 2021/22


O mandatário do Paris Saint-Germain afirmou estar muito feliz com a chegada de Messi ao clube francês, e disse este 11 de agosto é um dia histórico. Em tom de brincadeira, ele também falou que a chegada do argentino demandou tremendo esforço e que o camisa 30 não poderá pedir um aumento salarial.

- Estou muito feliz por apresentar Messi como jogador do PSG. É um dia muito feliz, histórico para o clube e o futebol. Um momento fantástico para nós. Todos conhecem Leo, único jogador que conquistou seis vezes a Bola de Ouro. Ele torna o futebol mágico, e agora está conosco - disse.

- Lembro do primeiro dia que nos perguntavam sobre o projeto. Temos um projeto de futebol que nos orgulha muitíssimo. Não há segredos. Aqui nós temos um acordo com o melhor jogador do mundo, com interesse mútuo para que pudesse agradecer. Gostaria de agradecer a Leo, à sua esposa, ao pai Jorge, a todos pelo trabalho feito - seguiu.

- Estou falando muito emocionado por um trabalho que será histórico para o time. Obrigado aos parceiros comerciais, que acreditaram no nosso projeto desde o primeiro dia. Não vamos decepcioná-lo. Sabemos onde estamos indo. Este será o começo de uma nova era. E agora as coisas serão decididas no gramado. Tenho certeza que muitos troféus virão. Temos um excelente time, excelente jogadores que fazem parte do grupo, um excelente técnico, um dos melhores do mundo - finalizou o pronunciamento.

Nasser Al-Khelaïfi também foi questionado a respeito de Kylian Mbappé, um dos principais nomes do Paris Saint-Germain. De acordo com a imprensa internacional, o jogador, que tem mais uma temporada de contrato, não deseja seguir na equipe.

O dirigente, no entanto, não quis entrar em polêmica e afirmou que todo mundo está feliz com a chegada de Messi.

- Todo mundo conhece Kylian, ele é parisiense, tem uma mentalidade que busca a vitória. Ele já disse que está feliz com essa chegada. Não há mais desculpas aqui. Esse é o pensamento de time, de clube - afirmou Al-Khelaïfi.

+ Hoje com Messi, mas antes… Veja como era o último time do PSG antes de ser comprado por bilionário do Qatar

Apresentação de Messi no PSG - Nasser Al-Khelaïfi, presidente do PSG

Apresentação de Messi no PSG - Nasser Al-Khelaïfi, presidente do PSG

Lance

Nasser Al-Khelaïfi afirmou que contratação de Messi é histórica (Foto: STEPHANE DE SAKUTIN / AFP)

VEJA OUTROS TRECHOS DA ENTREVISTA

Pressão por títulos: "Não mudamos, damos tudo de nós. Com a chegada de Leo estamos mais perto, mas nada ganho. Precisamos ganhar cada jogo, um atrás do outro, para ganhar os troféus. Será preciso disciplina, treino."

Champions League: "Nós temos um time de qualidade, mas não sei se somos favoritos ou não. Temos muito empenho, vocês viram como foi ano passado. Isso é futebol, a Champions é dificílima. Temos que ir um jogo atrás do outro. Nosso objetivo é o troféu, não escondemos de ninguém. Mas vamos nos concentrar muito. Estamos nos esforçando nesse objetivo. Mas vamos com calma, é preciso manter os pés no chão e trabalhar muito."

Negociação com Messi: "Era um desejo grande de ambas as partes concretizar essa contratação. E aconteceu muito rápido. Leo decidiu encerrar o contrato dele com o Barcelona, as conversas começaram, era um desejo mútuo e pronto. Aconteceu."

Fair Play Financeiro: "Eu esperava essa dúvida, eu agradeço a pergunta. Nós seguimos toda a regulamentação para as negociações. Sempre mantemos o Fair Play Financeiro, as regras, falamos com as pessoas do mundo jurídico, financeiro. Fizemos tudo com o maior cuidado para saber se teríamos essa capacidade. Não queríamos prometer algo que não pudéssemos cumprir. E hoje Leo traz algo gigante para o clube. Não podemos olhar o lado negativo, mas, sim, os aspectos positivos que chegam ao clube. Todo o trabalho nas redes sociais, a estrutura sendo modificada. Nosso clube do ponto de vista comercial está se preparando muito para isso. Esperamos que o Leo não peça um aumento de salário, senão ficará difícil para o clube (risos). Mas estamos estudando todos os detalhes do ponto de vista financeiro, estamos cuidando de tudo."

Impacto de Messi no Campeonato Francês: "Eu acho hoje os jogadores e o PSG estão fazendo nossa liga mudar de patamar, de nível. Há contratações em outros clubes, parcerias comerciais sendo feitas, questões de direitos de TV. Todo mundo quer ver o PSG agora. E todos os clubes estão se preparando. Agradeço aos outros presidentes, que mandaram mensagem para agradecer a chegada de Leo. Eu senti de perto a emoção, todos sabem que o que estamos fazendo não é só pelo clube, mas pela França, pela liga nacional. Agradeço o apoio de todos, os clubes se apoiam, conversam, fazem parte da liga. Temos muita sorte, vamos trabalhar, começar logo para que a liga, os clubes, e a cidade de Paris, que ganha com isso. Todo mundo vai aproveitar esse momento."

Últimas