Futebol Presidente de clube invade campo e dá soco em árbitro no Campeonato Turco

Presidente de clube invade campo e dá soco em árbitro no Campeonato Turco

Dirigente do Ankaragücü se revoltou e agrediu juiz após empate com o Rizespor; clubes e autoridades reagiram

Lance

Uma cena lamentável marcou o mundo do futebol nesta segunda-feira (11). Faruk Koca, presidente do Ankaragücü, da Turquia, invadiu o campo e agrediu o árbitro Halil Umut Meler após o empate em 1 a 1 com o Rizespor, pelo Campeonato Turco. A revolta do dirigente se deu em virtude dos acréscimos dados pelo juiz e também de um possível pênalti não marcado para a sua equipe.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

O Ankaragücü vencia a partida por 1 a 0 até os sete minutos de acréscimo, quando tomou o empate do Rizespor. Logo após o apito final, houve uma confusão generalizada no campo e Faruk Koca correu em direção ao árbitro do duelo, agredindo-o com um soco. O juiz caiu no chão e ainda recebeu vários chutes na cabeça e no rosto de outras pessoas que estavam no gramado. Veja o momento no vídeo abaixo:

Após a agressão, Faruk Koca foi contido, e o árbitro Halil Umut Meler deixou o campo com o olho roxo e inchado, além de hematomas no rosto. O acontecimento chocou o mundo do futebol e especialmente a Turquia. Vários clubes do país divulgaram notas condenando o ato do presidente do Ankaragücü, como Fenerbahçe, Galatasaray e Besiktas.

O QUE ACONTECEU É INACEITÁVEL

Acompanhamos o ataque ao árbitro Halil Umut Meler no jogo Ankaragücü-Rizespor disputado esta noite com espanto, surpresa e tristeza. Desejamos que Halil Umut Meler melhore logo. Condenamos nos termos mais veementes todos aqueles que são responsáveis ​​por estes acontecimentos e que demonstram esta atitude. Convidamos todas as partes interessadas do futebol turco, todos os indivíduos e instituições responsáveis ​​por este incidente, que não convém ao nosso país e ao futebol turco, a agirem em conjunto.

Autoridades locais também repudiaram a agressão cometida pelo dirigente, incluindo Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia.

Condeno o ataque ao árbitro Halil Umut Meler após o jogo MKE Ankaragücü x Çaykur Rizespor disputado esta noite e desejo-lhe uma rápida recuperação. Esporte significa paz e fraternidade. O esporte é incompatível com a violência. Nunca permitiremos que a violência ocorra nos desportos turcos.

Últimas