Futebol Por manifestação contra Peres, Drade registra ameaça e injúria contra torcedores do Santos; entenda

Por manifestação contra Peres, Drade registra ameaça e injúria contra torcedores do Santos; entenda

Integrantes da principal torcida uniformizada do Peixe protestou pedindo a renúncia do mandatário santista na tarde desta terça-feira

Lance
Lance

Lance

Lance

A Delegacia de Polícia de Repressão aos Delitos de Intolerância Desportiva (Drade) registrou uma ação de ameaça e injúria contra o presidente do Santos, José Carlos Peres, alvo de manifestações da Torcida Jovem, principal uniformizada do clube, em frente a Vila Belmiro, na tarde desta terça-feira.

O grupo se juntou do lado de fora do estádio, na altura do Portão 16, entoando cantos como "Se não renunciar, o pau vai quebrar". Peres não estava no local no momento.

Pouco tempo depois, a entrada dos manifestantes foi autorizada pela segurança e eles conversaram com membros do Comitê de Gestão.

Na segunda-feira, um coletivo com cerca de 30 torcedores pressionaram o mandatário do Alvinegro Praiano na sede santista na cidade de São Paulo, o Santos Business Center. Na ocasião, os principais pontos levantados foram: pagamento de comissão a empresários, a redução de 70% dos salários dos jogadores, sem o consentimento do elenco, e a baixa frequência do presidente no dia a dia do clube na Vila Belmiro e no CT Rei Pelé.

Ao LANCE!, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo confirmou a ação do Drade e afirmou que aguarda que Peres abra inquérito para que os fatos sejam apurados.

A reportagem entrou em contato com Peres, mas não obteve resposta até o fechamento da matéria.

Confira a nota da SSP-SP na íntegra

"O caso foi registrado como ameaça e injúria pela Delegacia de Polícia de Repressão aos Delitos de Intolerância Esportiva (Drade), nesta terça-feira (21). A unidade aguarda a representação criminal pela vítima para instaurar inquérito policial e apurar os fatos".

Últimas