Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

'Me chamou de filho da p...', diz Ceni sobre incidente com torcedor

Treinador explicou episódio de Cuiabá e diz que confia em apoio da torcida na decisão contra o Atlético-GO, no Morumbi

Futebol|Do R7

Ceni foi bastante cornetado pelos torcedores durante o jogo com o Cuiabá
Ceni foi bastante cornetado pelos torcedores durante o jogo com o Cuiabá Ceni foi bastante cornetado pelos torcedores durante o jogo com o Cuiabá

A passagem do São Paulo por Cuiabá, que terminou com um empate em 1 a 1 na Arena Pantanal, neste domingo (4), pelo Campeonato Brasileiro, esteve longe da tranquilidade. E o protagonista desse momento de ebulição foi Rogério Ceni.

Em relação de amor e ódio com a torcida, após a derrota por 3 a 1 para o Atlético-GO na ida da semifinal da Copa Sul-Americana, o treinador se envolveu em polêmica ao aparecer em imagens gravadas quando tentava arrancar o celular das mãos de um torcedor que o ofendia, na chegada da delegação em Cuiabá.

"Um único torcedor estava bem na frente, bem perto do ônibus. Sempre sou o último a descer. Esse torcedor chegou a ofender todos os jogadores, chamou todos de filhos da p.... Quando estou descendo do ônibus, ele olha pra minha cara e me chama de filho da p... Uma coisa é liberdade de expressão, outra coisa é você ofender. É baixo nível, mas foi um único torcedor. Se quer falar algo pra mim, vamos lá dentro e você conversa comigo.

Durante o jogo, o conflito continuou, com o ex-goleiro sendo chamado de burro após colocar o contestado Igor Gomes em campo.

Publicidade

Para Ceni, o apoio da torcida será fundamental na quinta-feira (8), dia do duelo de volta contra o Dragão goiano, em que o Tricolor precisa vencer por pelo menos dois gols de diferença para levar a decisão aos pênaltis.

Leia também

"A ansiedade do torcedor vem de dez anos sem um grande título, de expressão internacional, sem chegar em final e tudo mais. Isso gera ansiedade, cobrança, o torcedor é emotivo. Ele quer ver o título acontecer, a vitória. Ele vê o São Paulo em uma posição inadequada no Brasileirão, vê as derrotas nas semifinais e fica mais ansioso ainda. Que a gente possa levar o São Paulo a mais uma final, com todas as dificuldades que nós sabemos."

Publicidade

O São Paulo completou seis partidas seguidas sem vitória. Conseguiu apenas um triunfo nas últimas dez rodadas do Brasileirão. Focando na Sul-Americana, a decisão foi poupar alguns titulares em Cuiabá. Mas Ceni enxerga que alguns pontos do duelo deste domingo podem ser úteis para quinta.

"De hoje, de positivo fica essa reação, em um lugar quente, difícil de jogar, com um a menos, e ainda tendo as melhores oportunidades, pelo menos duas para virar (o jogo). Foi muito importante (o resultado), mais importante do que muita gente pensa, especialmente pensando no jogo contra o Atlético-GO. Contamos com o apoio do torcedor e que a gente possa retribuir em campo na quinta-feira.

Troféu da Copa não fica com país campeão: veja mais curiosidades do objeto

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.