Futebol Marcação forte, posse de bola e imposição: Marcão dá indícios de como pretende montar o Fluminense

Marcação forte, posse de bola e imposição: Marcão dá indícios de como pretende montar o Fluminense

Treinador promete dar continuidade ao trabalho de Odair Hellmann no início, mas fala em implementar estilo próprio de jogo com o passar do tempo

Lance
Lance

Lance

Lance

Com o fim da era Odair Hellmann, a torcida tricolor verá um velho conhecido no comando do Fluminense. Ex-jogador e auxiliar permanente do Tricolor, Marcão foi efetivado até o fim da temporada e deu os primeiros indícios de como planeja montar a equipe na reta final do Brasileirão: marcação alta, posse de bola e imposição, mas sem perder o equilíbrio e a segurança defensiva.

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro e simule os resultados

Atualmente na 5ª colocação, com 39 pontos, o Fluminense se tornou uma das principais surpresas da competição sob o comando de Odair e briga por uma vaga na Libertadores de 2021. Na coletiva de apresentação, nesta quarta-feira, Marcão elogiou o trabalho do antecessor e prometeu manter as ideias dele no início, dando continuidade ao que vinha sendo feito.

– A gente pretende manter tudo de bom que o professor deixou. O clube, a equipe, o grupo tem uma maneira de jogar hoje. E a pessoa que sentar aqui hoje tem que respeitar isso. A gente vai manter esse nível de dedicação e competição. Nossa equipe vai competir, vai marcar forte. A princípio, vamos fazer o que o professor já vinha fazendo, dar continuidade ao processo, que é vencedor para esse Campeonato Brasileiro.

Além disso, Marcão destacou a atuação do Fluminense diante do Athletico, no último sábado. Segundo ele, na vitória por 3 a 1 sobre o clube paranaense, a equipe tricolor conseguiu colocar em prática várias características do modelo de jogo que ele vê como ideal e pretende implementar na reta final do Brasileirão.

- Tudo que a gente pede em questão de futebol é isso: marcação forte, pressão, imposição. É tudo que o treinador quer. E nesse jogo contra o Athletico, a nossa equipe fez direitinho o trabalho de casa. Apesar de ter saído atrás no placar, a equipe manteve o nível de jogo, conseguiu manter uma pressão na equipe adversária, marcar lá em cima, e fez todas as movimentações que todos os treinadores adoram: infiltração, deslocamento, mudança de direção.

ESTILO DE JOGO PRÓPRIO: MESCLA DE IDEIAS E REFERÊNCIAS

Esta será a quinta passagem de Marcão como técnico principal do clube. No período como auxiliar, teve a oportunidade de trabalhar com Eduardo Batista, Levir Culpi, Fernando Diniz, Oswaldo de Oliveira, além de Odair Hellmann. Segundo o ex-volante de 48 anos, a experiência com cada um deles foi importante na construção de um estilo de jogo próprio.

– O que o Marcão fez? Tentou pegar o melhor de cada um para fazer o estilo de jogo próprio. O Marcão é um cara que gosta de propor o jogo, entende o momento que tem que atacar e marcar lá em cima, mas entende também o momento que a gente tem que estar guardado atrás e buscar as transições ofensivas. Marcão, hoje, está amadurecido, com seu estilo de jogo, que gosta de propor o jogo, mas entende também que em algum momento tem que defender para contra-atacar.

Marcão - Fluminense

Marcão - Fluminense

Lance

Marcão em ação no CT do Fluminense (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Nesse sentido, Marcão afirmou que pretende passar suas ideias para o elenco de uma maneira tranquila, aproveitando as semanas cheias para treinos. Para o técnico, que vinha comandando a equipe sub-23 do Fluminense, o equilíbrio e a mescla de ideias será importante para a assimilação dos atletas e o rendimento da equipe dentro de campo.

– Seguro, equilibrado e com posse de bola. É isso que a gente vai tentar para nossa equipe. A segurança, o equilíbrio do professor Odair, mas com a posse de bola costumeira que foi uma característica da nossa equipe. A gente gosta do jogo, de comandar o jogo, de criar as ações, de tomar conta da situação. Se a gente conseguir equilibrar, mesclar essas ações, realmente é o que a gente quer passar para os jogadores, com bastante treinamento.

Com essas ideias na cabeça, Marcão fará sua reestreia à frente do Fluminense no clássico contra o Vasco, no próximo domingo. Válida pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, a partida será disputada em São Januário, às 20h30 (de Brasília), e contará com transmissão em Tempo Real do LANCE!.

* estagiário sob a supervisão de Aigor Ojêda

Últimas