Futebol Mancini fala em encerramento digno, mas admite que o Corinthians não atingiu expectativas no Brasileirão

Mancini fala em encerramento digno, mas admite que o Corinthians não atingiu expectativas no Brasileirão

Com o empate em 0 a 0 contra o Vasco, neste domingo (21), o Timão deu adeus ao sonho da última vaga na pré-Libertadores

Lance

Fora do próxima edição da Libertadores e com vaga assegurada na Copa Sul-Americana, o Corinthians cumprirá tabela na última rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Internacional, atual vice-líder e que briga pelo título da competição, no Beira Rio, em Porto Alegre, na quinta-feira (25), às 21h30.

Ainda que não tenha mais pretensões na temporada e enfrente um time que colocará a vida em campo, o técnico Vagner Mancini garante que o Timão levará a sério jogo pela sua própria dignidade.

Vagner Mancini

Vagner Mancini

Lance

(Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)

- Se não for por isso vamos brigar pela nossa dignidade, pela nossa força de trabalho, pelo nosso aspecto profissional, por honrar a camisa do Corinthians. A gente tem que encerrar esse campeonato de uma forma digna - disse o técnico em entrevista coletiva virtual concedida neste domingo (21), após o empate em 0 a 0 contra o Vasco, na Neo Química Arena.

Quando assumiu o time de Parque São Jorge, na 16ª rodada da competição, a equipe brigava contra o rebaixamento, mas rapidamente teve uma sequência de bons resultados e passou a sonhar com uma vaga na pré-Libertadores, o que gerou uma alta expectativa sobre o clube, que acabou sendo frustrada.

- Obvio que quando houve a melhora do time gerou uma expectativa muito grande. A minha chegada ao Corinthians, a meta era que o clube saísse da zona do rebaixamento e alcançasse alguma outra coisa, a gente rapidamente atingiu isso. E quando a gente chegou em um grupo com outros times, cem uma briga por uma vaga À Libertadores nos deparamos com uma dificuldade maior - pontuou Mancini.

- Reconheço que houve um momento onde o Corinthians realmente melhorou muito, subiu muito a prateleira, jogou o seu limite muito para o alto e gerou muita expectativa e ela não se confirmou. Nas últimas cinco partidas, seis partidas, até sete partidas, desperdiçamos pontos importantes que talvez nos déssemos até uma vaga na Libertadores. Mas, diante do que foi a temporada, a gente tem que reconhecer que o Corinthians melhorou e melhorou bastante - acrescentou.

>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Últimas