Futebol Mais uma recusa! Corinthians e Diego Aguirre não se acertam e negociação está encerrada

Mais uma recusa! Corinthians e Diego Aguirre não se acertam e negociação está encerrada

Até a manhã deste sábado, sensação de otimismo tomava conta da diretoria do Timão, mas resposta do técnico não foi compatível com o clube poderia oferecer neste momento

Lance
Lance

Lance

Lance

Aquilo que parecia se encaminhar para o encerramento da "novela" do novo técnico do Corinthians, foi por água abaixo na manhã deste sábado. Diego Aguirre, que estava próximo de um acerto com o clube, acabou respondendo de forma negativa à primeira proposta corintiana e não houve acerto pelos novos termos apresentados em contrapartida. A informação da recusa foi dada primeiramente pelo jornalista André Plihal, da ESPN, e confirmada pelo LANCE!.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

GALERIA
> Quem será o próximo? Relembre os técnicos do Corinthians neste século

Segundo apurou a reportagem, a sensação era de otimismo na diretoria alvinegra. Na última sexta-feira, as partes acertaram alguns ponteiros, e definiram valores e tempo de contrato, deixando para bater o martelo e finalizar o acordo neste sábado. No entanto, a resposta do técnico e de seu agente foi com uma contraproposta, a qual o Timão não poderia cobrir.

Assim, a negociação que estava encaminhada para um desfecho positivo, teve de ser encerrada. Aguirre, que passa férias na Espanha, havia topado com agrado o desafio de assumir o Corinthians neste momento da temporada. O nome foi definido com base no perfil que os dirigentes do clube buscam, com estilo de jogo definido e facilidade para trabalhar com elenco "limitado".

Embora a escolha por um treinador estrangeiro não agradasse a cúpula corintiana, Aguirre tinha a seu favor o histórico no futebol brasileiro, com passagens por Internacional, Atlético-MG e São Paulo, o que não exigiria um tempo de adaptação ao Brasil e aos percalços do calendário local.

É a segunda recusa que o Corinthians recebe após a saída de Vagner Mancini, que foi demitido no último domingo. A primeira foi de Renato Gaúcho, colocado como plano A do clube. O ex-gremista optou por ficar mais próximo da família e não topar um trabalho fora do Rio de Janeiro, sua residência.

Antes tranquilos pela definição, a diretoria do Timão agora passa a correr contra o tempo para garantir um novo técnico o quanto antes para ter um período de trabalho com o elenco pelo menos uma semana antes da estreia no Campeonato Brasileiro, que acontece no dia 30, contra o Atlético-GO, na Neo Química Arena. Ainda não há um novo alvo de consenso no clube.

Últimas