Futebol Honda fica apenas no banco em um jogo do Botafogo pela primeira vez em 2020

Honda fica apenas no banco em um jogo do Botafogo pela primeira vez em 2020

Por opção técnica, japonês não foi envolvido nos 90 minutos da partida contra o São Paulo; camisa 4 tinha atuado em todas as partidas que fora relacionado na temporada

Lance
Lance

Lance

Lance

Keisuke Honda não sabia o que era passar um jogo inteiro no banco... Ainda. O japonês não foi envolvido em uma partida do Botafogo pela primeira vez desde que chegou ao Brasil. Isto aconteceu nesta quarta-feira, na goleada sofrida diante do São Paulo, no Morumbi, em jogo adiado da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Antes, o japonês havia sido relacionado 25 vezes e entrado em campo em todas as oportunidades - seja como titular ou reserva. Contra o Tricolor, não foi envolvido na história do jogo por opção técnica de Felipe Lucena, auxiliar de Eduardo Barroca.

– Não vou individualizar escolhas. Conversamos durante a semana com o Barroca e toda a comissão técnica. Era uma estratégia para essa partida, mas contamos com ele (Honda), assim como todos são importantes para a gente – explicou Lucena, após a partida.

Na temporada, o camisa 4 entrou no decorrer das partidas em três oportunidades, começando também do banco de reservas. Honda também deixou de ser relacionado de alguns duelos por desgaste físico, dado o calendário cheio do futebol brasileiro.

O Botafogo volta aos gramados no próximo sábado para enfrentar o Internacional às 19h, no Estádio Nilton Santos, pela 25ª rodada. Sem problemas musculares, o japonês treinará normalmente durante a semana e é opção para Eduardo Barroca visando o duelo.

Últimas