Holanda e Itália se preparam para duelo de gigantes pela 2ª rodada da Liga das Nações

Após estrear com vitória sobre a Polônia, Laranja Mecânica recebe italianos, que ficaram no empate com a Bósnia

Lance

Lance

Lance

Líder do Grupo 1 da Liga das Nações após vencer a Polônia por 1x0, a Holanda se prepara para um duelo de gigantes contra a Itália, pela 2ª rodada. Na estreia, os italianos ficaram só no empate contra a Bósnia.

O jogo, que promete ser decisivo na luta pela liderança da chave, acontece às 15h45 da segunda-feira (7) na Johan Cruyff Arena, em Amsterdã. No mesmo horário, a Bósnia recebe a Polônia.

Para a partida desta segunda, a Itália tem quatro desfalques confirmados: o meia Gaetano Castrovilli sofreu uma tendinite e se junta a Federico Bernadeschi (lesão na coxa) e Alessandro Bastoni (problema muscular) na lista de lesionados. Por outro lado, Luca Pellegrini foi convocado, mas não foi utilizado e vai se juntar à seleção sub-21.

- Vamos à Holanda tentar vencer o jogo, como sempre fazemos. Vamos manter nossa estrutura básica, mas alguns jogadores vão mudar porque eles não podem jogar a cada três dias - afirmou Mancini.

Por outro lado, a Holanda não deve ter desfalques para o jogo contra a Itália. O técnico interino Dwight Lodeweges disse que alguns jogadores estão 'vulneráveis', mas em condições. Um deles é o lateral-direito Denzel Dumfries, que foi pai recentemente:

- Existe um ou outro jogador vulnerável, mas tudo parece bem. A princípio, todos eles podem jogar. O feliz papai Dumfries, entre outros. Ser um pai não o impede de jogar - disse.

Prováveis escalações:

Holanda: Cillessen; Hateboer, Veltman, Van Dijk e Aké; De Roon, Wijnaldum e Frankie De Jong; Bergwijn, Depay e Promes

Itália: Donnarumma; Florenzi, Bonucci, Chiellini e Biraghi; Sensi, Jorginho, Barella; Chiesa, Belotti e Insigne