Futebol Fernando Diniz vê erro em pênalti e Santos competitivo por 70 minutos

Fernando Diniz vê erro em pênalti e Santos competitivo por 70 minutos

Técnico reclamou da arbitragem de Braulio Machado e lamentou falhas individuais do Peixe

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Fernando Diniz afirmou que o Santos fez um jogo competitivo com o Flamengo por 70 minutos neste sábado, na Vila Belmiro, pela 18ª rodada do Campeonato, e lamentou as falhas individuais que custaram a derrota por 4 a 0 para o clube carioca.

-O Santos até os 20 minutos do segundo tempo fez um jogo equilibrado, estava jogando bem. O segundo gol a gente teve chance de matar a jogada. Falhamos em coisas que a gente não falha no terceiro e no quarto gol, que definiram o placar. Essa é minha leitura do jogo. Dos quatro gols que o Flamengo fez, dois a gente entregou e outro um pênalti questionável - afirmou o treinador.

Fernando Diniz também reclamou da marcação do pênalti de Wagner Leonardo em cima de Michael, que originou o primeiro gol do Flamengo, e lembrou que o árbitro já esteve envolvido em outra polêmica em jogo do Santos.

- A primeira coisa que mudou foi o pênalti questionável. O VAR chamou, de onde eu estava não tinha chance daquele movimento do Palha derrubar o Michael. O VAR chamou e o juiz deu pênalti. É o mesmo árbitro que apitou a gente e Palmeira e deu três minutos de acréscimos. Hoje deu seis e acho que ele queria que o Santos se complicasse ainda mais. Não perdemos por causa do árbitro, mas esse árbitro contra o Santos é assim - afirmou o técnico.

Últimas