Futebol Fernando Diniz diz que Santos procura substituto para Kaio Jorge

Fernando Diniz diz que Santos procura substituto para Kaio Jorge

Treinador já testou Marcos Guilherme, Marcos Leonardo, Raniel e Bruno Marques na função, mas ainda não encontrou o herdeiro ideal para o ex-santista, hoje na Juventus

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Fernando Diniz ainda busca um jogador para a vaga do atacante Kaio Jorge, que era titular do setor, mas deixou o Santos recentemente para a Juventus, da Itália.

O ex-santista prezava pela boa movimentação, e o treinador do Peixe ainda não conseguiu encaixar o mesmo estilo de jogo com os centroavantes que tem no elenco. Atualmente, Diniz já testou Marcos Guilherme, Marcos Leonardo, Bruno Marques e, no clássico contra o Corinthians, Raniel.

"Jogador quase de exceção, faz falta para qualquer time. Com dois ou três Kaio Jorge, ficaria mais fácil. É a realidade de hoje, mas os que estão aqui podem desenvolver", contemporizou o treinador.

Segundo o treinador, o próprio Kaio Jorge demorou para decolar com a camisa do Santos.

"Não iniciou no Santos jogando tudo que estava jogando, comigo fez oito ou nove gols em poucas partidas, deu assistências, se adaptou muito fácil ao jeito de jogar. Precisamos achar outro jogador que consiga exercer a função, com a mesma confiança, e tomara que consigamos rápido, para poder nos presentear e a torcida com gols e boas atuações".

+ Veja no aplicativo do LANCE! o resultado dos jogos da rodada

Fã declarado do agora companheiro de Cristiano Ronaldo, Diniz elogiou também a escolha de continuidade de carreira de Kaio Jorge.

"Kaio Jorge estava em momento especial e faz falta e faria não só no Santos. Está na Juventus, um dos maiores cinco clubes do mundo", comentou Fernando Diniz.

Sobre o futuro herdeiro da posição, nenhuma dica precisa. "Os três podem jogar, assim como Marcos Guilherme como falso 9 e outras formações táticas. Colocarei quem acho que vai corresponder melhor. Time precisa render para podermos escalar, não só analisar esse jogador da função", finalizou o treinador.

Últimas