Futebol Felippe Cardoso comemora estreia e destaca carinho dos torcedores no Japão: 'Fiz a escolha certa'

Felippe Cardoso comemora estreia e destaca carinho dos torcedores no Japão: 'Fiz a escolha certa'

Emprestado pelo Santos, atacante jogou pela primeira vez pelo Vegalta Sendai no fim de semana e vibrou com chance de jogar fora do Brasil

Lance
Lance

Lance

Lance

Felippe Cardoso iniciou neste fim de semana a sua trajetória no futebol japonês. Emprestado pelo Santos, o atacante entrou no segundo tempo da vitória por 2 a 1 do Vegalta Sendai sobre o Oita Trinita, no último sábado, pelo Campeonato Japonês e festejou a primeira chance no novo clube.

- Esse é o meu primeiro clube fora do Brasil, e a experiência está sendo ótima!
Tenho me esforçado muito para me adaptar o mais rápido possível. Minha estreia foi maravilhosa, confesso que estava um pouco ansioso, mas, graças a Deus, deu tudo certo. Deu pra sentir um pouco como é jogar no Japão. O carinho que os torcedores têm com os jogadores aqui é surreal. Isso só confirmou que fiz a escolha certa em aceitar a proposta desse clube tão maravilhoso – disse Felippe Cardoso.

O jogador chegou ao Vegalta Sendai no último mês de março, após defender as
cores do Fluminense na última temporada. Pela equipe tricolor, foram 27 jogos e três gols marcados. O vínculo de empréstimo com o clube japonês é até o dia 1º de janeiro de 2022, e Felippe quer aproveitar a oportunidade para conquistar objetivos ainda maiores na carreira.

- É um motivo de muita alegria e orgulho, ver de onde eu saí e hoje jogar fora do meu país. É um sonho realizado. Deus tem me proporcionado momentos
maravilhosos. Só me inspira mais ainda a continuar. Meu grande sonho era jogar no Santos, isso já realizei. Mas todo jogador pensa em jogar na Europa, chegar à Seleção Brasileira. Hoje, tenho 22 anos e sei que nada é impossível. Espero que eu consiga desenvolver um bom futebol aqui no Japão e conseguir realizar todos esses desejos que citei – revelou.

Antes de participar dos treinamentos com a equipe, porém, o atleta precisou passar por uma quarentena por 15 dias na cidade de Sendai. Durante o período, o próprio clube ofereceu o suporte para garantir o condicionamento físico do jogador dentro do quarto.

- Fiquei isolado durante um período de 14 dias em um hotel aqui em Sendai mesmo. O Vegalta montou no meu quarto toda uma estrutura de treino com equipamentos do clube, onde eu pude fazer alguns trabalhos , pra não me prejudicar quando eu me apresentasse no clube. Está sendo fundamental pro meu início. Com relação aos protocolos, é tudo bastante rígido, mas não foge muito do que existe no Brasil não – completou o jogador.

Felippe Cardoso e o Vegalta Sendai voltam a campo nesta quarta-feira diante do Nagoya Grampus, às 7h (Brasília), pela J League. A equipe ocupa a 17ª posição, com dez pontos, e busca a vitória para se reabilitar no torneio.

Últimas