Futebol Falhas individuais são determinantes para derrota do Fluminense e busca pelo título complica ainda mais

Falhas individuais são determinantes para derrota do Fluminense e busca pelo título complica ainda mais

Gols do Atlético-MG acontecem depois de erros de Felipe Melo e Manoel, no último sábado

Lance
Lance

Lance

Lance

As falhas individuais voltaram a aparecer depois de algum tempo no Fluminense. No último sábado, o Tricolor perdeu para o Atlético-MG por 2 a 0, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. A zaga formada por Felipe Melo e Manoel falhou na derrota em momento importante da reta final de temporada.

Felipe Melo, que estava improvisado na zaga no lugar de Nino, teve mais uma atuação bem abaixo. O volante perdeu a maioria das disputas no mano a mano com o atacante Hulk e errou no lance do primeiro gol da equipe mineira. Ele saiu de sua posição e abriu o corredor para o centroavante fica livre. Além disso, passou muito perto de marcar contra no segundo tempo.

Em coletiva, Fernando Diniz não procurou citar um culpado, mas reforçou que a equipe estava desorganizada após cobrança de lateral do Fluminense.

– Eu não gosto de ficar citando coisas individualmente. Era um lateral nosso. Ficamos desorganizados. Treinamos para o time ficar organizado.

E o seu companheiro de zaga, Manoel até levou a melhor nas disputas e foi bem saídas de bola do Fluminense, mas acabou expulso ao receber o segundo amarelo após ser marcado um toque de mão na área, em pênalti que deu origem ao segundo gol do Galo.

+ VEJA A TABELA DO BRASILEIRÃO

A derrota acontece depois de uma série de três vitórias consecutivas do Fluminense no Brasileiro. Os jogadores e até mesmo Fernando Diniz já deixaram claro que acreditam no título brasileiro, porém a distância para o Palmeiras pode aumentar para 12 pontos. O Alviverde encara o Botafogo na segunda-feira.

Com a derrota, o Fluminense segue com 51 pontos e cai para terceiro na tabela de classificação. Na próxima quarta-feira, o Tricolor vai até o Antônio Accioly enfrentar o Atlético-GO, às 19h, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Últimas