Futebol Ex-analista do Flamengo se retrata após áudio vazado com críticas a Ceni: 'Emoção excessiva'

Ex-analista do Flamengo se retrata após áudio vazado com críticas a Ceni: 'Emoção excessiva'

Demitido do clube na última sexta-feira, Roberto Drummond pede desculpas após áudio vazado: 'Nunca tive a intenção de atacar ninguém publicamente'

Lance
Lance

Lance

Lance

Demitido do Flamengo na última sexta-feira, após o vazamento de um áudio em que criticava Rogério Ceni, o então treinador do clube, o analista de mercado Roberto Drummond veio a público pedir desculpas pelo episódio. Em nota divulgada pelo site 'ge" (leia no fim da matéria), o ex-funcionário rubro-negro diz ter sido tomado pela "emoção excessiva" ao gravar a mensagem de voz, que foi enviada em conversa privada.

+ Em áudio vazado, analista de scout do Flamengo critica Ceni: 'É uma pessoa ruim. Não tem outra definição'

Desde 2017 no Flamengo, Drummond trabalhava no Centro de Inteligência e Mercado do Flamengo, responsável pelo monitoramento de possíveis reforços. As principais críticas sobre o trabalho de Ceni foram em relação à postura do treinador com outros departamentos do clube e ao comportamento no dia a dia.

+ Saiba mais sobre o funcionário demitido pelo Flamengo após criticar Ceni

O vazamento do áudio gerou a demissão do funcionário e acelerou o processo de saída de Rogério Ceni, anunciada pelo Flamengo na madrugada de sábado. Poucas horas depois, o clube acertou a contratação de Renato Gaúcho para ocupar o cargo de treinador.

Confira a o pedido de desculpas de Roberto Drummond:

"Após o acontecimento recente envolvendo meu nome, refleti bastante e gostaria de pedir desculpas às pessoas atingidas e que se sentiram ofendidas, em especial ao Rogério Ceni. Como colaborador e torcedor do clube, gravei o áudio tomado pela emoção excessiva.

Nunca tive a intenção de atacar ninguém publicamente. Sou uma pessoa que prezo pela discrição, tanto que enviei o áudio em mensagem privada para uma pessoa que, teoricamente, eu confiava, por conhecer há muitos anos.

Durante os meus quase cinco anos como colaborador do Clube de Regatas do Flamengo, sempre procurei dar o meu melhor e me orgulho por ter contribuído em mais de um departamento do clube, sempre mantendo sigilo e protegendo os dados da instituição.

Desta forma, retrato-me e apresento minhas sinceras desculpas a todos os envolvidos neste episódio, reiterando que jamais prejudicaria qualquer profissional ou a instituição que tanto me proporcionou momentos e experiências únicas."

Últimas