Futebol Entrosamento entre Martinelli e Yago pode ser trunfo do Fluminense para o clássico

Entrosamento entre Martinelli e Yago pode ser trunfo do Fluminense para o clássico

Jogadores do se entenderam bem no meio-campo tricolor, na vitória sobre o Avaí  e podem repetir a parceria de sucesso diante do Botafogo, no Maracanã

Lance
Lance

Lance

Lance

O Fluminense pode ter um trunfo a mais para o clássico com o Botafogo, no próximo domingo, pelo Brasileirão. Martinelli e Yago Felipe retomaram a parceria das temporadas 2020 e 2021 e voltaram a atuar juntos no meio-campo tricolor. Contra o Avaí, na rodada anterior, o entrosamento da dupla deu resultado. Yago participou ativamente do primeiro gol, enquanto Martinelli fechou o placar ao ao marcar o terceiro. Agora eles podem ter nova chance no time de Fernando Diniz, na partida no Maracanã.

Na vitória em Florianópolis, os meias foram escalados juntos como titulares pela primeira vez na temporada. Os dois, entretanto, se conhecem bem. O entrosamento vem do período em que foram parceiros no setor entre o final de 2020 e boa parte de 2021.

Martinelli foi para o banco de reserva, em razão do bom momento vivido por André . Com a chegada de Diniz esse ano, foi a vez de Yago perder a posição para Nonato. O volante, no entanto, foi vendido para o Ludogrets, da Bulgária, abrindo espaço no setor.

Assunto foi tema de coletiva no Fluminense

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, Martinelli admitiu que a presença de Yago trouxe mais liberdade no meio de campo.

– O Yago é um jogador que movimenta o campo todo, a gente conversa muito sempre, porque querendo ou não dá um pouco mais de liberdade, sim. Quando ele chegava muito à frente, quando eu passava um pouco, ele já tem essa função de segundo volante também, então ele ficava um pouco mais. A gente acaba ficando bastante entrosado, junto com o André também, que chega às vezes – explicou Martinelli.

O jogador de 21 anos também lembrou do bom entendimento com Yago Felipe.

– Facilita muito o nosso trabalho. E a gente se conhecendo, tendo entrosamento, que a gente jogou muito tempo junto, facilita, sim, a nossa chegada dentro da área. É aquele momento que a gente chega na área sem marcação, porque é um jogador que vem de trás, então isso facilita muito para gente - disse na coletiva.

No clássico do próximo domingo contra o Botafogo, os dois jogadores poderão ter uma nova chance de mostrar esse entrosamento. Em busca da classificação para a fase de grupos da Libertadores, o Fluminense necessita de um resultado positivo, na partida válida pela 36ª rodada do Brasileirão. O 'Clássico Vovô' tem início previsto para 16h.

Últimas