Futebol Embalado, recheado de jovens e com calendário apertado: como chega o Fluminense para o Carioca

Embalado, recheado de jovens e com calendário apertado: como chega o Fluminense para o Carioca

Time terá mescla de elenco Sub-23 com atletas menos utilizados do profissional nas primeiras partidas e tentará surpreender o favorito novamente

Lance
Lance

Lance

Lance

Atual campeão da Taça Rio, o Fluminense chega ao Campeonato Carioca de 2021 embalado por uma ótima temporada. Os bons resultados colocaram a equipe de volta à Libertadores, o que acabará fazendo com que o Tricolor tenha um calendário mais apertado. E a dificuldade não está apenas nisso. Com pouco tempo de descanso e um novo treinador no comando, o Flu iniciará o torneio com jovens do Sub-23 e atletas pouco utilizados no profissional.

> Fluminense termina Brasileirão com a quinta melhor marca desde 2003; relembre as campanhas

A ideia de apostar no time de Aspirantes se deu porque o elenco principal não terá um período de férias. O Flu terminou o Brasileirão em quinto e neste momento se prepara para o jogo da segunda fase da Liberta, contra o Ayacucho, do Peru, dia 9. No entanto, tudo pode mudar caso o Palmeiras seja campeão da Copa do Brasil em 7 de março, já que isso daria a vaga direta na fase de grupos e, consequentemente, mais tempo de descanso. Mas o time de Roger Machado só saberá mesmo às vésperas do duelo.

VEJA A TABELA DO CAMPEONATO CARIOCA

O treinador, inclusive, é a grande novidade do Fluminense para a temporada. Desde a saída de Odair Hellmann para os Emirados Árabes, Marcão vinha comandando o time. O técnico da nova geração foi apresentado no último fim de semana e disse que deve seguir um estilo parecido ao do antecessor. Veja como chega o Flu para a competição estadual.

REPLETO DE JOVENS

No elenco principal, o Fluminense não terá grandes mudanças com relação ao time que terminou a temporada na última semana. Os únicos que já não ficam mais à disposição são Wellington Silva, que já estava afastado, Felippe Cardoso, de volta ao Santos, e Hudson, que se reapresentou ao São Paulo. Os reforços concretizados até o momento são o lateral-direito Samuel Xavier, o zagueiro Rafael Ribeiro e o volante Wellington. Eles podem ser utilizados neste primeiro momento do Carioca, mas o último assina contrato nesta terça, então dificilmente estará à disposição.

Além disso, outros nomes para ficar de olho são Metinho, João Neto, Matheus Martins, Kayky, Luan Freitas, Daniel Lima, Wallace, André, entre outros que são criados na base tricolor e podem se destacar. Eles são presença certa neste primeiro momento e já vem treinando sob o comando de Ailton Ferraz visando o torneio Estadual.

EXPECTATIVAS

Na última temporada, o Fluminense viveu alguns de seus melhores momentos no Carioca, tanto que surpreendeu o Flamengo na final da Taça Rio, quando venceu na disputa de pênaltis e fez boas decisões do Estadual, apesar de sair derrotado. Nesta temporada, a equipe carregará o peso de chegar pelo menos às fases finais novamente, tanto pela projeção no orçamento votado para 2021 quanto por ser o outro time ainda na Série A do Brasileiro.

Além disso, o Tricolor carrega a vontade de voltar a conquistar títulos. O último de maior expressão foi em 2016, na Primeira Liga. O Flu não é campeão carioca desde 2012, quando também ficou em primeiro no Brasileirão. Esse período de seca fez com que o Flamengo disparasse como maior campeão carioca. São 36 contra 31 do clube das Laranjeiras.

Fluminense x Flamengo

Fluminense x Flamengo

Lance

Flu foi campeão da Taça Rio (FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)

POUCO TEMPO

Ainda é difícil projetar qual será o real período de treinamentos do Fluminense para o Carioca e como ficará o calendário tricolor. Caso tudo dê certo e a equipe estreie na fase de grupos apenas em abril, Roger terá tempo para conhecer melhor os jogadores e trabalhar. No entanto, se o Flu precisar jogar as duas fases anteriores, será tudo bastante apertado, com a estreia no dia 9 e o jogo de volta no dia 16, seguidos por partidas em abril em 7 ou 8 e 14 ou 15. Por isso, ainda é cedo para palpitar sobre as chances do Tricolor no torneio.

JOGOS DA TAÇA GUANABARA

A estreia do Fluminense no Campeonato Carioca será nesta quinta-feira, contra o Resende, às 18h, no Maracanã. Depois disso, dia 7, o Tricolor receberá a Portuguesa, às 16h. O primeiro clássico é na terceira rodada, contra o Flamengo, às 18h do dia 14 de março. Fechando o mês, o time terá ainda Bangu e Boavista, fora, Volta Redonda e Vasco, em casa. Os jogos finais da primeira parte da competição são contra Macaé, Nova Iguaçu, Botafogo e Madureira.

No novo formato do Campeonato Carioca, a competição vai acontecer em turno único, onde os 12 times participantes vão se enfrentar entre si, em 11 rodadas, em pontos corridos. O primeiro colocado fica com o título da Taça Guanabara e disputa, junto aos outros três melhor posicionados, semifinais e finais, em jogos de ida e volta, para definir o campeão do Estadual. No caso da Taça Rio, esta disputa não interfere no título do Carioca. Os clubes que ficarem entre quinto e oitavo na primeira fase se enfrentam para ver quem ficará com esse troféu.

Últimas