Futebol Em jogo truncado, Atlético-GO e Inter ficam no empate sem gols

Em jogo truncado, Atlético-GO e Inter ficam no empate sem gols

Equipes se enfrentaram neste domingo (29), em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio Antônio Accioly

Lance
Partida em Goiânia foi carente de emoções

Partida em Goiânia foi carente de emoções

Divulgação / Internacional

Em mais um duelo que movimentou a 18ª rodada do Brasileirão, neste domingo (29), o Internacional foi até o Antônio Accioly, em Goiânia, para encarar o Atlético-GO, e ficou apenas no empate em 0 a 0 em um duelo tecnicamente fraco. Na partida, os times buscaram os gols a todo momento, mas não conseguiram tirar o zero do placar.

As duas equipes entraram em campo com tudo, sempre buscando pressionar bastante o adversário. Assim, quem se sobressaiu foi o Atlético-GO. Jogando em casa, o time se aproveitou para fechar o Internacional. Contudo, não conquistou chances de perigo.

O Colorado conseguiu se desvencilhar da alta marcação dos goianos. Dessa forma, a primeira chegada partiu dos gaúchos, aos 9. Taison mandou um bom passe para Yuri Alberto, que recebeu nas costas da defesa e rolou para Patrick. Um defensor tentou afastar, mas mandou nos pés do camisa 11. Assim, o atacante mandou uma bomba em cima do goleiro Fernando Miguel.

Depois da pressão inicial, as duas equipes diminuíram o ritmo e a intensidade. Sendo assim, pouco foi criado por ambos os lados. Além disso, tanto o Atlético-GO quanto o Inter apareciam com grande dificuldade de chegar ao ataque. Apenas aos 22 o Colorado conseguiu ter mais posse de bola, se sobressaindo na partida.

Vencendo a marcação do Internacional, o Dragão teve sua grande chance aos 23. Arnaldo chegou na linha de fundo pelo lado direito, fazendo o cruzamento. Bruno Méndez subiu mais alto que André Luís e afastou o perigo. Na sequência, João Paulo recebeu na entrada da área e chutou colocado. Yuri evitou o lance de perigo.

O gol, de fato, saiu aos 26. Arnaldo recebeu no lado direito, invadiu a área e bateu cruzado. O atacante mandou a bola no fundo das redes, mas o juiz acabou anulando o tento por impedimento de Zé Roberto, que participou em um desvio.

Com o Inter diminuindo a pressão, o Dragão seguiu encontrando mais espaços e trouxe perigo à meta de Daniel. Contudo, o goleiro soube ser providencial quando necessário. Aos 32, em chute de longe do Atlético-GO, o arqueiro conseguiu evitar o gol de André Luís. Dois minutos depois, Moisés apareceu para dar a resposta. O lateral recebeu de Taison e arriscou com o pé direito. A bola foi fraca e sem grandes perigos.

Após o intervalo, o Atlético-GO mudou da cara e chegou com muito perigo para o Internacional. Logo no primeiro minuto, Janderson recebeu no lado esquerdo e bateu cruzado, em direção à meta colorada. Daniel apareceu para desviar.

Na sequência, aos 4, Arnaldo tocou para João Paulo, que venceu a marcação e chutou da marca do pênalti. Bruno Méndez salvou em cima da linha. Logo depois, após cobrança de escanteio de Janderson, Wanderson tocou de cabeça. A bola passou perto do travessão de Daniel.

Após a saída de Taison, que sentiu a coxa esquerda, o Inter perdeu ainda mais o seu ritmo. Dessa forma, como o Atlético-GO também não estava em alto
nível, as equipes pouco criaram. O Colorado só foi aparecer aos 28. Na jogada, Heitor recebeu, avançou para o meio e mandou com a canhota. A bola foi sem muita força, batendo na trave.

Com a entrada de Caio Vidal, o Colorado conseguiu se jogar mais ao ataque. Contudo, acabou pecando na finalização. Aos 37, Daniel encontrou Edenílson livre no lado esquerdo. O camisa 8 mandou para Vidal, que cortou para o meio e arriscou. Fernando Miguel defendeu. Na sequência, Caio tentou com a canhota, mas Arnaldo desviou. Aos 42, Palacios recebeu de Maurício, mas colocou muita força e mandou por cima da meta do Dragão. Como resposta, Janderson tentou, mas parou no goleiro do Inter. Sem outras chances, o duelo terminou no zero.

Últimas