Futebol Em grande fase no São Paulo, Miranda volta à Seleção dois anos depois e perto da Copa do Mundo

Em grande fase no São Paulo, Miranda volta à Seleção dois anos depois e perto da Copa do Mundo

Zagueiro chegou no Tricolor para esta temporada, vem sendo destaque na equipe e foi premiado com o chamado para defender o Brasil nas Eliminatórias para o Mundial 

Lance
Lance

Lance

Lance

A última sexta-feira (27), foi especial para o zagueiro Miranda. O defensor de 36 anos, ídolo e capitão do São Paulo, foi chamado pelo técnico Tite para defender a Seleção Brasileira nos jogos contra Chile, Argentina e Peru, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

A convocação 'coroa' as grandes atuações do defensor desde que retornou ao São Paulo, no começo dessa temporada. Um dos líderes do elenco e capitão do time, Miranda jogou 27 jogos em 2021, com 14 vitórias, oito empates e apenas cinco derrotas. Além disso, apesar de ser um dos mais veteranos do time, o zagueiro vem de 11 jogos seguidos.

Um dos motivos para a sua volta ao futebol nacional e especificamente ao São Paulo foi por conta da alta possibilidade de voltar à Seleção Brasileira, mirando a disputa da Copa do Mundo de 2022, no Catar, que será disputada no final do ano que vem. O próprio zagueiro admitiu que procurava ser chamado novamente pelo técnico Tite.

CONFIRA A TABELA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

- Sim, faz parte dos meus planos voltar à Seleção. No momento que eu estiver atuando e a seleção brasileira precisar do meu trabalho, com certeza estarei à disposição. Sei que tenho total condição de vestir a camisa da seleção ainda. Meu pensamento é esse - disse Miranda em maio desse ano, após o empate do São Paulo por 2 a 2 contra o Corinthians, quando ele foi destaque do Tricolor.

Miranda e São Paulo: sinônimo de Seleção Brasileira
Essa não foi a primeira convocação de Miranda para a Seleção defendendo o São Paulo. Em 2009, o zagueiro foi chamado pelo então técnico Dunga para a disputa da Copa das Confederações, que terminou com título do Brasil. Essa não foi a primeira convocação dele para a Seleção enquanto esteve no Tricolor.

Em 2009, durante sua primeira passagem, o zagueiro disputou seis jogos pelo selecionado brasileiro, em três competições diferentes: Copa das Confederações, Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 e um amistoso diante da Estônia.

Miranda foi titular em quatro dessas partidas, com duas vitórias (Chile e Estados Unidos), um empate (Venezuela) e uma derrota (Bolívia). O zagueiro entrou no segundo tempo nas vitórias sobre Estônia e Peru.

Agora, ele espera continuar o bom momento para seguir no radar de Tite, visando a Copa do Mundo de 2022, no Catar, que seria sua segunda Copa seguida, já que ele foi convocado para o Mundial de 2018, na Rússia, disputando as cinco partidas da Seleção no torneio, todas como titular.

Ao todo, Miranda tem 74 jogos pelo Brasil, com 43 vitórias, nove empates e seis derrotas.

JOGOS DE MIRANDA NA SELEÇÃO BRASILEIRA QUANDO ESTAVA NO SÃO PAULO
​4/1/2009 - Eliminatórias Copa do Mundo 2010 - Brasil 3 X 0 Peru
6/18/2009 - Copa das Confederações - Brasil 3 X 0 Estados Unidos
8/12/2009 - Amistoso - Estônia 0 x 1 Brasil
9/9/2009 - Eliminatórias Copa do Mundo 2010 - Brasil 4 X 2 Chile
10/11/2009 - Eliminatórias Copa do Mundo 2010 - Bolívia 1 x 2 São Paulo
10/14/2009 - Eliminatórias Copa do Mundo 2010 - Brasil 0 X 0 Venezuela

Últimas