Futebol Diretoria do Corinthians evita se envolver em polêmica de Jô: 'Se ficar sumido um mês, não vai mudar nada para nós'

Diretoria do Corinthians evita se envolver em polêmica de Jô: 'Se ficar sumido um mês, não vai mudar nada para nós'

Atacante ficou sumido por três dias e fez publicação em rede social se chamando de "otário"

Lance
Lance

Lance

Lance

A diretoria do Corinthians prefere não se envolver na polêmica de Jô. O jogador ficou sumido por três dias e reapareceu nesta segunda-feira (13) através de suas redes sociais para dizer que "é um otário" e decepcionou sua esposa.


- Vamos lembrar que o atleta está de férias. Não administramos a vida pessoal de ninguém. Administramos o atleta. No momento que entra no portão do clube, ele está sob nossos cuidados. Daqui para fora é cada um que cuide da sua vida - falou o diretor de futebol Roberto de Andrade, em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava.

Para o dirigente, não interessa o que o jogador faça nas férias, desde que se reapresente no dia marcado pelo clube.

- Sobre esse caso específico do Jô, ele está de férias e sumiu três dias, pelo que todo mundo falou, não acompanhei. Para nós, ele tem de se apresentar 10 de janeiro. Se ficar sumido um mês, não vai mudar nada para nós - completou o dirigente.

Segundo noticiado pelo colunista Léo Dias, do portal 'Metrópoles', o jogador foi a uma festa com Douglas Costa, do Grêmio, e estava sumido desde o fim do Brasileirão.

Últimas