Futebol Diniz defende zaga do São Paulo: 'Hoje só chegou uma bola no gol'

Diniz defende zaga do São Paulo: 'Hoje só chegou uma bola no gol'

Técnico comentou sobre críticas em relação a defesa do Tricolor, que sofreu 18 gols nos últimos dez jogos da equipe, média de 1,8 gols por partida

Lance
São Paulo sofreu 18 gols nos últimos dez jogos

São Paulo sofreu 18 gols nos últimos dez jogos

Lance

Se tem um setor que a torcida do São Paulo está com um pé atrás é o defensivo. Com a dupla de zaga formada por Léo e Diego Costa, o São Paulo sofreu dezoito gols nos últimos dez jogos da equipe, uma média de 1,8 gols por partida.

Perguntado sobre o tema em entrevista coletiva depois do empate por 1 a 1 contra o Coritiba, no Couto Pereira, Fernando Diniz tratou de elogiar o setor na partida desta tarde.

- Hoje eu acho que o sistema defensivo não se comportou mal. Contra o River eu acho que sim, principalmente no primeiro tempo. Mas no jogo de hoje foi uma bola no gol, de falta, contra o Inter também uma só no gol. Quando jogou Bruno e Arboleda a gente tomou 3 do RB Bragantino e do Mirassol. Não é só a defesa, o sistema inteiro tem que trabalhar bem - disse o comandante tricolor.

Diniz também elogiou a dupla de zaga titular da equipe. Segundo ele, não é por conta da mudança no miolo da defesa que o time passou a sofrer gols.

- Hoje tivemos solidez na defesa, o Coritiba ofereceu muito pouco perigo, assim como contra o Santos e o Inter. Precisamos do resultado, tomar gol incomoda todos nós, estamos trabalhando com isso, mas não é justo porque dois jogadores mudaram, parou de tomar gol. O time se comportou bem defensivamente hoje - finalizou.

Últimas