Cria da base do Juventude, Duda busca manter o ritmo de jogo no futebol finlandês

Aguardando o retorno do Gauchão, o ex-lateral-direito do São José de Ijuí estreou no domingo pelo OTP United

Lance

Lance

Lance

Considerado um dos países do mundo mais bem preparados para o combate da pandemia do COVID-19, a Finlândia também presenciou o retorno dos jogos oficiais nos últimos dias. Ex-São José de Ijuí e revelado nas categorias de base do Juventude, o lateral-direito Duda retornou ao futebol finlandês para defender o tradicional OTP United.

O jogador, que defendeu o AC Kajaani na temporada passada, foi o líder de assistências em sua posição nas primeiras divisões da nação escandinava. No último domingo, estreou pelo novo clube atuando os 90 minutos na vitória por 2 a 0 contra o Haupa.

- Me senti muito bem, já tinha feito alguns amistosos antes pelo clube, claro que tinha a situação de não jogar desde a parada no Gauchão, mas foi muito bom voltar a jogar. Acredito no projeto do clube e fico feliz de fazer parte disso. Estou numa cidade boa, a quinta maior da Finlândia, é um bom lugar para prosperar - falou Duda.

Aos 26 anos, Duda acumula em sua carreira o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro e o vice-campeonato gaúcho, ambos em 2016 pelo Juventude. De volta à Europa, o brasileiro destacou a oportunidade de estar em campo enquanto o futebol brasileiro lida com a incerteza de seu retorno.

- O nosso time é bom para a divisão e, se der a liga que esperamos para vencer nas primeiras rodadas, temos de tudo para subir. Diminuíram a duração do campeonato até setembro, devido ao coronavírus, e tanto o lado financeiro quanto o lado de me manter em atividade pesou na minha decisão - disse.

Depois de suspender o estado de emergência que durou quase três meses, a Finlândia, com 5,5 milhões de habitantes, conta com mais de 7 mil casos confirmados e 326 mortes de COVID-19, segundo o relatório de segunda-feira (15) da Organização Mundial de Saúde (OMS).