Futebol Corinthians paga última parcela e garante Cantillo em definitivo

Corinthians paga última parcela e garante Cantillo em definitivo

Prazo para pagamento ao Junior Barranquilla-COL era até esta quarta-feira, dia 30, mas o Timão já depositou os 900 mil dólares (R$ 4,4 milhões) para garantir os 100% do atleta

Lance
Lance

Lance

Lance

O Corinthians conseguiu se livrar de uma pendência nesta terça-feira e ao mesmo tempo garantiu a compra definitiva de um dos seus atletas. Trata-se do caso de Cantillo, que teve a última parcela do pagamento de seus direitos depositada na conta do Junior Barranquilla-COL. Agora ele é 100% do Timão. A informação foi publicada pelo "Meu Timão" e confirmada pelo LANCE!.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Timão defende invencibilidade contra o São Paulo; relembre a sequência


De acordo com o contrato selado entre os clubes em 2020, o prazo para o pagamento dessa última parcela seria nesta quarta-feira, dia 30 de junho, mas o Alvinegro se antecipou e efetuou o depósito de 900 mil dólares (R$ 4,4 milhões) nos cofres colombianos, garantindo assim o repasse definitivo. Até o momento, ele estava emprestado pelo Junior Barranquilla.

Foi a quarta parcela paga pelo Timão para garantir a compra do volante. A primeira quitada em janeiro de 2020, no valor de 900 mil dólares (cerca de R$ 3,8 milhões na cotação da época), a segunda em julho de 2020, no valor de 600 mil dólares (cerca de R$ 3,2 milhões na cotação da época) e a terceira em dezembro no valor de 650 mil dólares (R$ 3,4 milhões na cotação da época).

Ao todo, o Corinthians gastou 3,050 milhões de dólares na compra de Cantillo, ou R$ 14,8 milhões levando em conta as cotações da moeda em cada época. O jogador vai assinar contrato definitivo até dezembro de 2023.

Cantillo foi uma das contratações de maior impacto no início de 2020 e vinha se destacando com Tiago Nunes, porém foi caindo de produção com a equipe. Na volta aos treinamentos depois da parada em decorrência da pandemia de coronavírus, o colombiano contraiu a doença e ficou um tempo afastado, tendo dificuldade para retomar sua forma física. Ele teve dificuldade para se firmar com Vagner Mancini, mas tem sido peça importante para Sylvinho.

Últimas