Futebol Corinthians anuncia 34 mil ingressos já vendidos para partida e esclarece problemas após site ficar fora do ar

Corinthians anuncia 34 mil ingressos já vendidos para partida e esclarece problemas após site ficar fora do ar

Após plataforma apresentar instabilidade e a torcida sofrer para comprar entradas do jogo contra Chapecoense, clube explica motivos para ocorrido e revela alta procura por bilhetes

Lance
Lance

Lance

Lance

Um dia após o site oficial de vendas de ingressos apresentar instabilidade e chegar a ficar fora do ar, o Corinthians divulgou nota oficial neste sábado para esclarecer os motivos dos problemas ocorridos. E o clube revelou que já foram vendidas mais de 34 mil entradas para o jogo contra a Chapecoense, na segunda-feira, às 21h30, Neo Química Arena, que abrigará pela primeira vez um confronto deste Brasileirão com 100% de sua capacidade de público liberada.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Veja até quando vai o contrato de cada jogador do Corinthians

No início da nota, o Corinthians ressaltou "que acompanhou, ao longo de toda a sexta-feira, a dificuldade experimentada por muitos torcedores na tentativa de comprar ingressos para o jogo" e em seguida lembrou que as vendas ocorreram de forma escalonada a partir de segunda-feira. E o clube disse que estava "respeitando as devidas prioridades" até que a comercialização dos bilhetes fosse aberta para o público em geral apenas na última sexta.

O Timão informou que a alta procura pelos ingressos por parte dos torcedores sobrecarregou o site de vendas, que não suportou o grande número de acessos e acabou ficando fora do ar durante um bom tempo. Os problemas começaram depois que a comercialização foi iniciada ao público em geral, às 11h, e o serviço da plataforma só voltou a ser normalizado por volta das 17h.

- Na sexta-feira, quando ocorreu a abertura da venda para o público geral, devido à enorme quantidade de ingressos vendidos por minuto – números comparáveis apenas a grandes decisões –, houve um enfileiramento dos acessos, provocando instabilidade para muitos usuários que buscavam seus ingressos, mas a efetivação das vendas continuou sem interrupções, dentro da capacidade máxima de processamento suportada pelo sistema, durante todo o tempo - explicou o Corinthians, por meio da nota oficial deste sábado,

- Vale lembrar que cada venda só é efetivada após a confirmação do meio de pagamento utilizado. Até lá, o ingresso fica reservado, e só volta a ser disponibilizado após eventual recusa do pagamento - o que ocorre com certa frequência e limita a agilidade do processo - esclareceu em seguida.

CASA CHEIA NA SEGUNDA-FEIRA

Apenas na parte final da nota oficial, o Corinthians revelou que já foram vendidos "mais de 34 mil ingressos para a partida" e em seguida informou também que "a procura segue grande". E encerrou o comunicado agradecendo aos torcedores que compraram e aos que tentaram adquirir os bilhetes.

- Agradecemos a confiança e paciência de todos e esperamos ver 100% da nossa casa ocupada na próxima segunda-feira, demonstrando mais uma vez a força da Fiel, que nos apoia sempre e até o final - finalizou o clube.

Desta forma, o Alvinegro deverá atuar com a Neo Química Arena cheia diante da Chapecoense nesta partida que fechada a 29ª rodada do Brasileirão.

Inicialmente marcado para este domingo, o confronto teve a sua data alterada após pedido do Corinthians à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), pois só a partir deste 1º de novembro o Governo do Estado de São Paulo permitirá que partidas ocorram com 100% da capacidade de público liberada nos estádios.

Se o jogo fosse realizado neste dia 31 de outubro, o clube poderia disponibilizar no máximo 50% da capacidade da Arena aos torcedores, em quantidade estabelecida dentro do cronograma de protocolos de prevenção à Covid-19.

Últimas