Futebol Coringa Lima é o novo reforço dos ídolos eternos do Santos

Coringa Lima é o novo reforço dos ídolos eternos do Santos

Lima se junta a Pepe, Mengálvio, Dorval, Edu, Clodoaldo, Manoel Maria e Abel

Lance
Lance

Lance

Lance

O Santos ganhou um novo reforço na manhã desta terça-feira (31). O Coringa Lima assinou contrato com o Clube e passou do quadro de funcionários para o seleto grupo dos ex-jogadores. Ele se junta a Pepe, Mengálvio, Dorval, Edu, Clodoaldo, Manoel Maria e Abel, se tornando nosso oitavo Ídolo Eterno. O projeto de ídolos eternos foi lançado em 2014.

Lima foi recebido pelo presidente Andres Rueda e por seus ex-companheiros e eternos amigos na Vila Belmiro e num ato simbólico, recebeu um novo crachá, agora de Ídolo Eterno, vinculado à presidência, garantindo acesso a todas as atividades do futebol masculino e feminino, para poder compartilhar a sua experiência.

Natural de São Sebastião do Paraíso, Minas Gerais, Antônio Lima dos Santos jogou por 10 anos com a camisa santista, entre 1961-1971. Conquistou o Campeonato Paulista sete vezes (1961-1962, 1964,-1965 e 1967-1968 -1969), o Campeonato Brasileiro seis vezes (1961-1962-1963-1964-1965 e 1968), o Torneio Rio-São Paulo três vezes (1963-1964 e 1966), o bicampeonato da Taça Libertadores e do Mundial Interclubes (1962-1963), os títulos da Recopa Sul-Americana e da Recopa Mundial de 1968, além dos diversos torneios pelo mundo a fora. Entrou em campo 692 vezes e marcou 63 gols, e dentro das quatro linhas não atuou apenas de goleiro, pois todas as outras posições, ele dava conta do recado.

-Nós sempre estivemos juntos. Jogando, viajando, festejando, de qualquer forma. E agora ter uma condição dessa com todos eles, é maravilhoso. Estou muito feliz e agradeço muito ao presidente e ao nosso Santos - disse o coringa santista.

O presidente Andres Rueda falou da importância do ato com Lima.

-O importante é ele estar feliz. E esse reconhecimento do Clube vai dar mais tranquilidade a ele e a família. Ele é um grande ídolo, fez história no Santos e tem de ser lembrado sempre - falou Rueda.

Últimas