Futebol Conheça Rui Costa, novo diretor de futebol do São Paulo

Conheça Rui Costa, novo diretor de futebol do São Paulo

Dirigente ajudou a reconstruir Chape após acidente e no 1º título internacional do Athletico e foi eleito melhor executivo no Conafut

Lance
Rui Costa assume futebol do São Paulo, após Brasileiro

Rui Costa assume futebol do São Paulo, após Brasileiro

Divulgação Grêmio

O São Paulo acertou com o executivo Rui Costa para ser o novo dirigente de futebol do Tricolor após a saída de Raí, no final do Campeonato Brasileiro. Ele terá contrato de três anos, até o final da gestão do presidente Julio Casares.

Rui começou sua carreira como dirigente em outubro de 2012, em passagem pelo Grêmio. Ficou no clube gaúcho até maio de 2016. Durante sua passagem pelo Tricolor, o diretor foi eliminado em 11 competições em quatro anos, além de ter contratado 48 jogadores em 41 meses de trabalho. Teve cinco técnicos - Vanderlei Luxemburgo, Renato Gaúcho, Enderson Moreira, Felipão e Roger Machado.

Sete meses depois de sair do Grêmio, Rui Costa teve a dura missão de resgatar a Chapecoense logo depois do trágico acidente aéreo que vitimou vários jogadores. Com a ajuda de outros clubes, conseguiu montar um elenco competitivo e conquistou o Campeonato Catarinense. Deixou o clube em agosto de 2018 e chegou no Athletico.

Trabalhando no Furacão, Rui chegou dois meses após a demissão de Fernando Diniz, em agosto de 2018, hoje treinador do São Paulo. Mesmo tendo uma passagem curta, de apenas seis meses, participou da montagem do elenco 2019 e esteve na função durante o título da Copa Sul-Americana conquistada pelo clube.

Seu último trabalho foi no Atlético-MG, onde chegou em abril de 2019. Um mês depois, foi eleito o melhor executivo de 2018, em evento realizado no Teatro CIEE, em São Paulo. Ele obteve 42% dos votos e tinha a concorrência de Alexandre Mattos, do Palmeiras, e Marcelo Djian, do Cruzeiro.

A premiação foi respectiva ao desempenho na temporada 2018, de acordo com os resultados alcançados em relação à capacidade de investimento de cada clube na categoria diretor executivo de futebol. Rui Costa deixou a Chapecoense em julho para assumir o Athletico, que naquela ocasião estava na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Em quase seis meses de trabalho, ajudou o clube paranaense a encerrar a competição nacional na 7a posição, e a conquistar o inédito título da Copa Sul-Americana.

No Galo, foi o responsável por trazer bons nomes no elenco, como Guilherme Arana, Maílton, Hyoran, Allan, Dylan Borrero, Savarino e Diego Tardelli. No entanto, alguns reforços, como o atacante Franco Di Santo, não tiveram bons resultados. Trouxe o venezuelano Rafael Dudamel para ser o treinador da equipe. Porém, ambos acabaram demitidos depois da eliminação do Galo para o Afogados na Copa do Brasil.

O currículo de Rui Costa

Cube Atlético Mineiro
Diretor Executivo
Abril/2019 - Fevereiro/2020

Clube Athletico Paranaense
Diretor Executivo
Agosto/2018 - Janeiro/2019

Títulos
Campeão Sulamericano

Associação Chapecoense de Futebol
Diretor Executivo
Dezembr/2016 - Agosto/2018

Títulos
Campeão Catarinense

Grêmio Foot Ball Porto Alegrense
Diretor Executivo
Outubro/2012 - Maio/2016

Curta a página do R7 Esportes no Facebook.

Atlético sobe para 9% de chance de título: as contas do Brasileirão

Últimas