Futebol Ceni comunica que utilizará emprestados pelo São Paulo que voltarão em 2023

Ceni comunica que utilizará emprestados pelo São Paulo que voltarão em 2023

Ideia do treinador é avaliar produtividade de opções que deixaram o clube neste ano

Lance
Lance

Lance

Lance

Um pedido feito pelo técnico Rogério Ceni na reunião com a diretoria do São Paulo na última quarta-feira (9), no CT da Barra Funda, selou que todos os atletas emprestados pelo clube e que retornam ao Morumbi no ano que vem serão utilizados ao menos no Campeonato Paulista.


+ ATUAÇÕES: Nestor tira chance de “redenção” de Igor Gomes em noite ruim do São Paulo

O pedido feito por Ceni - e acatado pela gestão Julio Casares - prevê que há potencial nos nomes para suprir as carências do elenco.

A começar pela ala-esquerda. Com Reinaldo praticamente fora por conta do alto salário, Ceni quer utilizar Liziero, que passou a última temporada emprestado ao Internacional, em sua posição de origem, ou seja, justamente naquele setor do campo.

Havia a expectativa entre os dirigentes de que o time gaúcho exercesse a opção de compra de Liziero - que tem contrato com o Tricolor até o final de 2023 -, o que não aconteceu.

Do outro lado do campo, a situação é idêntica. Rafinha, único veterano que aceitou a prorrogação de contrato por só mais um ano, com redução salarial, se ficar continuará a ser escalado como zagueiro por Ceni.

Com isso, o clube conta apenas com Igor Vinícius para a posição, já que Moreira passou por cirurgia e deve retornar só no segundo semestre de 2023. Isso por enquanto. Ceni avisou que utilizará as duas opções para o setor que estão emprestadas a outros clubes: Orejuela e Nathan.

Orejuela foi contratado em 2021 por cerca de R$ 13 milhões. Passou o último ano por Grêmio e Athletico-PR, sem ser muito utilizado nesses dois clubes, mas deve ganhar nova chance com o comandante são-paulino, já que seu contrato vai até março de 2025.

Ceni também informou que utilizará Nathan Mendes, lateral-direito formado nas categorias de base e que jogiu o Brasileirão emprestado ao Coritiba. Tem contrato até março, apenas.

Outros nomes do Tricolor que estão atuando por outros clubes serão integrados ao plantel principal na reapresentação para avaliação. Pelo menos mais duas opções serão utilizadas no elenco principal. Entre essas opções já está Guilherme Matheus, zagueiro que passou os últimos dois anos emprestado ao Ceará e foi devolvido ao Tricolor após o rebaixamento do clube nordestino.

OS OUTROS EMPRESTADOS DO SÃO PAULO QUE VOLTAM NO INÍCIO DO ANO

Gabriel Falcão (volante) - estava no: Cuiabá
Anilson (lateral-direito) - estava no: Aimoré (RS)
João Pedro (volante) - estava no: Cuiabá
Bruno Tatavitto (volante) - estava no: São Bernardo
Gabriel Rodrigues (lateral-esquerdo) - estava no: Ituano
Pedro Lucas (zagueiro) - estava no: Vasco

> Confira classificação, jogos e simule resultados do Brasileirão-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!

Últimas