Futebol CBF define arbitragem de Flamengo e Bahia e não 'atende cobrança' de Renato Gaúcho

CBF define arbitragem de Flamengo e Bahia e não 'atende cobrança' de Renato Gaúcho

Após empate em 2 a 2 com a Chapecoense, técnico do Flamengo pediu escalação de árbitro Fifa nas partidas do clube no Brasileirão, assim como nos jogos de Atlético-MG e Palmeiras

Lance
Lance

Lance

Lance

Os erros da arbitragem no empate em 2 a 2 entre Chapecoense e Flamengo, comandado pelo árbitro Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL), resultaram em reclamações por parte de jogadores, técnico e dirigentes rubro-negros. Renato Gaúcho, por exemplo, pediu à CBF a escalação de um árbitro Fifa na próxima rodada da equipe, o que não acontecerá. O juiz do jogo entre Flamengo e Bahia, na quinta-feira, no Maracanã, será Andre Luiz de Freitas Castro (GO).

- Por que não perguntam para o Gaciba (presidente da Comissão de Arbitragem da CBF)? A outra pergunta que eu queria fazer ao Gaciba. No jogo do Atlético-MG, um dos melhores árbitros do Brasil. Jogo do Palmeiras, um dos melhores. Jogo do Flamengo, arbitragem de Segunda Divisão. Gaciba precisa explicar isso. Bater no Renato é mole, né? Não podemos esquecer do Gaciba - reclamou o técnico do Flamengo após o empate em 2 a 2, na segunda, na Arena Condá.

Se o árbitro de Flamengo e Bahia, pela 31ª rodada do Brasileirão não será "Fifa", os dos jogos do Atlético-MG - contra o Corinthians, no Mineirão - e do Palmeiras - contra o Atlético-GO, no Allianz Parque - serão. Braúlio da Silva Machado (SC/Fifa) e Anderson Daronco (RS/Fifa) comandam as partidas de Galo e Verdão, respectivamente, ambas a serem disputadas na quarta-feira, às 19h e às 20h30.

Últimas