Futebol Cássio analisa jogos do Corinthians no Rio: 'Temos que pensar em todos'

Cássio analisa jogos do Corinthians no Rio: 'Temos que pensar em todos'

Goleiro analisa continuidade dos campeonatos em meio à pandemia do coronavírus

Lance
Lance

Lance

Lance

Após garantir a vitória do Corinthians sobre o Mirassol com uma defesa de pênalti nos acréscimos, o goleiro Cássio analisou o momento atual do Campeonato Paulista, com guerra nos bastidores para não haver paralisação por conta da pandemia do coronavírus. A partida desta terça-feira ocorreu em Volta Redonda, no Rio de Janeiro, depois de o governo de São Paulo proibir a realização de jogos no estado. Na sexta-feira, o Corinthians encara o Retrô-PE, pela segunda fase da Copa do Brasil, em Bacaxá, distrito de Saquarema, no Rio.

>> Confira a tabla do Paulistão e simule os próximos jogos

Ao ser questionado sobre o assunto, Cássio tentou se esquivar ao dizer que não está "aqui para dizer o que é certo ou errado". O goleiro, entretanto, ponderou que é difícil para times menores se manterem com a paralisação do campeonato em razão das dificuldades financeiras. Ele também destacou o cumprimento do protocolo de saúde.

- É uma situação triste ver tantas pessoas morrendo pela Covid, eu já peguei, uma série de jogadores já pegou, mas para melhorar é cada um fazer sua parte e se cuidar. Não estou aqui para dizer o que é certo ou errado, porque é muito difícil, mas estamos fazendo tudo que nos pedem, estamos cumprindo o protocolo. Os times grandes às vezes têm aporte maior, mas temos que pensar em todos. Queríamos que o mais rápido possível passasse essa pandemia, que não tivesse tantas mortes. O primeiro passo é cada um se cuidar. O Corinthians tem tido todo o cuidado. Hoje em dia está muito difícil falar sobre o que é certo ou o que é errado sobre essa situação - disse Cássio.

O jogo entre Corinthians e Mirassol no Rio de Janeiro foi confirmado pela Federação Paulista de Futebol apenas na segunda-feira, véspera da partida. A entidade chegou a emitir nota oficial para confirmar a paralisação do campeonato, mas agiu nos bastidores para realizar partidas fora do estado de São Paulo.

Últimas