Futebol Bustos lamenta erros defensivos do Santos e cobra uso do VAR na Sul-Americana

Bustos lamenta erros defensivos do Santos e cobra uso do VAR na Sul-Americana

Técnico considerou injusta a derrota do Peixe diante do Banfield nesta terça-feira

Lance
Lance

Lance

Lance

O técnico Fabián Bustos não ficou feliz com o desempenho da equipe santista na derrota para o Banfield por 1 a 0, na estreia santista na Copa Sul-Americana.

O treinador elogiou o desempenho dos donos da casa, mas criticou a arbitragem. Ainda no começo do jogo, quando a partida estava empatada em 0 a 0, em uma cobrança de escanteio, o camisa 10 Ricardo Goulart cabeceou e a bola desviou no braço do defensor.

- Se repassar o primeiro tempo, houve um gol muito bonito deles por um erro nosso. Foi parelho (o primeiro tempo). O Banfield teve mais posse de bola, mas quando contra-atacávamos, três contra três, causávamos danos. O Banfield foi muito intenso, vertical, mas criou chances em erros nossos. Não foram situações claras. O gol saiu no fim do primeiro tempo numa jogada em que tentamos afastar e saiu curto. No segundo tempo tivemos algumas chances, e eles conseguiram bolas paradas que nos complicaram. Em linhas gerais foi um jogo parelho, e me pareceu totalmente injusta a derrota - disse Bustos.

- Houve um pênalti claríssimo em uma cabeçada do Goulart. Há que felicitar o Banfield pelo triunfo, mas precisamos da tecnologia urgente, porque se definem situações como essa. Que cada lugar possa colocar o VAR, porque é uma ferramenta importante - completou.

Com a derrota e o empate entre Unión La Calera e Universidade Católica, o Peixe é o último colocado do Grupo C ao fim da 1ª rodada da Copa Sul-Americana. Bustos prega otimismo.

"Começamos com uma derrota como visitantes na Argentina, mas vamos jogar em casa e temos de somar pontos. Vamos partida a partida, tratar de buscar os resultados. A Sul-Americana é parelha e, diferente da Libertadores, só passa um, mas Banfield, Católica e Calera vão precisar de resultados, como nós", finalizou.

Últimas