Futebol Bruno Rodrigues, Kanu... alvos do São Paulo no mercado mostram perfil de reforços da 'Era Crespo'

Bruno Rodrigues, Kanu... alvos do São Paulo no mercado mostram perfil de reforços da 'Era Crespo'

Diretoria procura nomes jovens e com 'baixo' custo, fugindo de contratações de nomes consagrados e com salários mais elevados. Busca deve continuar para montagem do elenco

Lance
Lance

Lance

Lance

O São Paulo não deve abrir muito os cofres para realizar contratações na montagem do elenco dirigido por Hernán Crespo na próxima temporada.

Acertado com o atacante Bruno Rodrigues, de 23 anos, ex-Ponte Preta e que virá por empréstimo da Tombense, o Tricolor deve investir mais em jogadores desse perfil. Ou seja, atletas jovens, com potencial de atuarem bem e ter uma possível revenda no futuro.

Outro alvo do São Paulo no mercado, o zagueiro Kanu, do Botafogo, também tem 23 anos e se destacou nesta temporada mesmo com o rebaixamento do Fogão. No entanto, a negociação deve ser mais difícil, já que o clube carioca rejeitou a primeira proposta do Tricolor pelo jogador.

A busca no mercado por nomes nesse perfil deve continuar. A comissão técnica de Crespo mapeia nomes principalmente no mercado sul-americano para reforçar a equipe. O Tricolor busca prioritariamente um zagueiro, um lateral-esquerdo e mais um ponta, posição considerada escassa no elenco


Claudinho? Diego Costa? Nomes não devem aparecer no Tricolor
Na última terça-feira, cresceram rumores de que o São Paulo estaria interessado na contratação de Claudinho, atacante do Red Bull Bragantino e artilheiro do Brasileirão, com 17 gols.

Segundo o jornalista David Chinaglia, o Tricolor ofereceu uma proposta para comprar 50% dos direitos do jogador. No entanto, conforme apurou o LANCE!, a negociação não deve acontecer, muito por conta dos altos valores para contratar o capitão do Massa Bruta.

Já o atacante Diego Costa está sem clube desde que deixou o Atlético de Madrid (ESP), em dezembro do ano passado. No entanto, o salário do atleta é considerado fora dos padrões da realidade brasileira, com vencimentos de R$ 2 milhões mensais aproximadamente.

Últimas