Futebol Brasileiros no VAR convencem árbitro chileno a anular gol do River Plate na Libertadores

Brasileiros no VAR convencem árbitro chileno a anular gol do River Plate na Libertadores

Clube de Marcelo Gallardo foi eliminado após empate em 0 a 0. O primeiro jogo terminou com 1 a 0 para o Vélez Sarsfield-ARG

Lance
Gol do River Plate-ARG foi anulado após árbitros concluírem que houve toque no braço do atacante

Gol do River Plate-ARG foi anulado após árbitros concluírem que houve toque no braço do atacante

Lance

Os brasileiros Rafael Traci e Bráulio Machado convenceram Roberto Tobar, árbitro de campo do jogo entre River Plate e Vélez Sarsfield, a anular o gol marcado por Matías Suárez, segundo os áudios do VAR. Sem o gol, o River ficou no 0 a 0 com o rival argentino e foi eliminado da Libertadores.

Em vídeo divulgado pela Conmebol, a dupla brasileira responsável pela arbitragem de vídeo do duelo da última quarta-feira repetiu o lance do gol do meio-campista do River Plate por mais de 50 vezes.

Roberto Tobar, que havia assinalado o gol, mantinha sua posição diante da insistência da cabine do VAR. Com isso, o árbitro chamou o seu assistente, que concordou com um toque de mão após o cabeceio de Suárez para o fundo das redes.

Com o resultado do confronto, os Millionarios caíram da competição por terem perdido a partida de ida por 1 a 0.

Confira uniformes lançados para a próxima temporada na europa

Últimas