Futebol Até jornal argentino aponta pênalti não marcado para o Santos

Até jornal argentino aponta pênalti não marcado para o Santos

Diário Olé publicou que o Boca Juniors escapou da derrota diante do Peixe

Lance
Lance

Lance

Lance

Um dos principais jornais argentinos, o Diário Olé, também apontou pênalti não marcado para o Santos diante o Boca Juniors, pelo jogo de ida da semifinal da Taça Libertadores. No título da matéria sobre a partida, o jornal estampou "Era pênalti para o Santos". A partida terminou empatada sem gols.

O lance polêmico aconteceu nos 30 minutos do segundo tempo quando o atacante Marinho estava na área em uma jogada perigosa e foi derrubado por Carlos Izquierdoz, zagueiro da equipe xeneize. O árbitro Roberto Tobar mandou o lance seguir, houve uma rápida checagem no VAR, mas nada foi marcado e nem revisto pelo árbitro de campo. Na matéria, o Olé ainda destacou "Boca se safou do pênalti".

"A ação deixou muitas dúvidas. Buscaram de um ângulo, checaram de outro e nada. Não encontraram nenhum ângulo que ajude Tobar a mudar sua decisão. Na verdade, ele nem foi ver. Mas Izquierdoz errou e Boca se safou do pênalti", escreveu o jornal.

Além do Olé, o técnico Cuca e o próprio Marinho afirmaram que o Peixe foi prejudicado. O Santos vai enviar um ofício à Conmebol pedindo justificações do árbitro de campo não ter sido chamado para olhar o VAR. Se o pênalti fosse marcado, o resultado poderia favorecer o Alvinegro a encaminhar uma classificação para a grande final da Copa Libertadores. O gol fora de casa também é um dos critérios de desempate.

A decisão ficou para a próxima quarta-feira (6). O Peixe recebe o Boca Juniors, às 19h15 horas, na Vila Belmiro. O Santos precisa vencer a equipe argentina para chegar a final. O Boca se classifica com empate com gols ou vitória. Um novo 0 a 0 no placar leva a decisão para os pênaltis.

Últimas