Futebol Arrascaeta manda recado após ficar sem o Prêmio Puskás: 'Agora vamos treinar'

Arrascaeta manda recado após ficar sem o Prêmio Puskás: 'Agora vamos treinar'

Meia do Flamengo viu Son, do Tottenham, levar o troféu pelo gol mais bonito da última temporada; evento é realizado de forma virtual

Lance
Lance

Lance

Lance

Arrascaeta se trajou à altura da cerimônia oficial do The Best FIFA Football Awards, realizada em Zurique, na Suíça, nesta quinta-feira. De terno e gravata, o meia participou virtualmente (como todos os finalistas) da eleição do Prêmio Puskás 2020, mas não levou. Heung-min Son (Tottenham) ficou com o troféu.

Assim, logo depois de se desconectar com o evento, Arrascaeta mandou um recado no Twitter e, com emojis de risada, levou a derrota (metade de votação popular e a outra metade, via especialistas convidados pela Fifa) na esportiva.

Veja a postagem:

Foi a segunda vez que Arrascaeta brigou pelo Prêmio Puskás; e a segunda em que saiu derrotado. Em fevereiro de 2018, concorreu na cerimônia da Fifa ao marcar em uma jogada parecida. À época no Cruzeiro, pelo Campeonato Mineiro, arrematou um voleio após cruzamento também da direita.

O camisa 14 do Fla concorria pela pintura diante do Ceará, no Brasileiro de 2019 (veja o golaço abaixo), na Arena Castelão. Compatriota de Arrascaeta, Luis Suárez (hoje no Atlético de Madrid) também brigava pelo Puskás deste ano.

> Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

Em tempo: Arrascaeta treina nesta quinta, assim como o restante do elenco do Flamengo, visando o jogo deste domingo, contra o Bahia, às 18h15, no Maracanã e pela 26ª rodada do Brasileiro.

Últimas