Futebol Arrascaeta e Gabigol são absolvidos no STJD por lances contra o Athletico

Arrascaeta e Gabigol são absolvidos no STJD por lances contra o Athletico

Dupla, portanto, está liberada para entrar em campo nesta quarta-feira, no confronto de volta das quartas de final

Lance
Lance

Lance

Lance

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) absolveu, nesta terça-feira, o meia Arrascaeta e o atacante Gabigol pelos lances de falta na partida contra o Athletico, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. A sessão aconteceu nesta manhã, véspera do duelo de volta, pela 2ª Comissão Disciplinar.

A dupla, portanto, está liberada para o confronto desta quarta-feira, às 21h30, na Arena da Baixada, que decide a vaga na semifinal da competição.

Gabigol foi denunciado no Artigo 254-A, que consta: praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente. Caso seja condenado pelo pleno do STJD, o atacante do Flamengo poderia pegar de quatro a 12 jogos de suspensão.

O caso de Arrascaeta era mais leve, embora ainda possa pegar um gancho considerável. O uruguaio foi denunciado no Artigo 254, por "praticar ação violenta". A punição era de um a seis jogos de suspensão em caso de condenação.

Nos dois lances, os jogadores foram punidos apenas com cartão amarelo. Posteriormente, o árbitro da partida, Luiz Flavio de Oliveira, foi afastado pela CBF. Inicialmente, a procuradoria não tinha denunciado os jogadores, mas o Athletico pressionou, citando justamente a punição imposta pela confederação e pontuando os áudios do VAR.

RELEMBRE OS LANCES

Os lances aconteceram no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, no Maracanã, no último dia 27 de julho, no Maracanã, no 0 a 0 entre Flamengo e Athletico.

Ainda no primeiro tempo, Gabigol se estranhou com Fernandinho no meio do campo. Enquanto puxava um contra-ataque para o Flamengo, o camisa 9 sofreu falta 'tática' do ex-Manchester City e revidou com um pontapé. O atleta recebeu cartão amarelo.

Já no segundo tempo, perto do fim da partida, Arrascaeta deu carrinho perigoso, por trás, em Erick. A entrada deixou a perna do atleta do Athletico marcada. A exemplo do que aconteceu com Gabigol, o uruguaio recebeu cartão amarelo.

Últimas