Após derrota para o Fluminense, Botafogo avalia saída de Valentim

Diretoria alvinegra estuda uma forma de chegar a um acordo em relação à multa rescisória do contrato do treinador, alvo de críticas da torcida após derrota no Clássico Vovô

Lance

Lance

Lance

O técnico Alberto Valentim pode deixar o comando técnico do Botafogo, nas próximas horas. Alvo de críticas cada vez mais constantes da torcida, nas últimas semanas, o treinador viu a situação piorar depois da derrota por 3 a 0, para o Fluminense, no clássico deste domingo, no Maracanã. O Alvinegro foi dominado durante toda a partida e acabou irritando os torcedores que foram ao estádio. O principal entrave para a saída do treinador é a multa rescisória, estimada em cerca de R$1 milhão. A diretoria do clube estuda uma forma de chegar a um acordo.

Os protestos conta o treinador ganharam força após a classificação no sufoco para a segunda fase da Copa do Brasil, em que o Glorioso empatou em 1 a 1 com o Caxias-RS e ganharam força. Os gritos pedindo a saída do treinador puderam ser ouvidos, inclusive, na festa de apresentação do meia japonês Keisuke Honda, no último sábado.

Contratado em outubro, após a demissão de Eduardo Barrcoca, Valentim está em sua segunda passagem pelo clube, na qual soma 19 jogos, oito vitórias, dois empates e nove derrotas.