Futebol Após derrota, Enderson afirma que Botafogo merecia resultado diferente: 'Fizemos um jogo para vencer'

Após derrota, Enderson afirma que Botafogo merecia resultado diferente: 'Fizemos um jogo para vencer'

Alvinegro foi superado pelo Operário, mas treinador acredita que equipe merecia um resultado positivo; técnico explicou mudança de postura no segundo tempo

Lance
Lance

Lance

Lance

A reação do Botafogo na Série B do Brasileirão foi travada. O Alvinegro foi derrotado por 1 a 0 para o Operário nesta quinta-feira, em duelo válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

+ Bola bate na mão de jogador do Operário dentro da área, árbitro ignora e Botafogo reclama de pênalti

O Glorioso saiu atrás do placar ainda nos minutos iniciais, mas pressionou e ficou perto do empate ainda no primeiro tempo. Na etapa complementar, contudo, o time apostou nas bolas aéreas, o que não deu resultado. Após o duelo, Enderson Moreira explicou, em entrevista coletiva, a estratégia adotada.

- É importante saber que o jogo vai criando uma característica diferente. Com chuva, em determinado momento, vão criando poças d'água e aí fica mais difícil de chegar no chão. Chegamos bem no fundo mas erramos na tomada de decisão. Não abrimos mão do jogo apoiado, mas estava difícil por dentro, o adversário também diminuiu as linhas. Tentamos colocar jogadores de mais argumento técnico para poder controlar os passes, foram alternativas que criamos para buscar o empate. Infelizmente não foi possível, não dá para lamentar, temos que nos preparar para a próxima partida - explicou o técnico.

Sem Chay, poupado, Enderson optou por adiantar o volante Pedro Castro de forma mais adiantada, jogando ao lado do atacante. O técnico classificou a partida do camisa 33 e afirmou que o Alvinegro criou o suficiente para sair com um resultado melhor.

+ Veja a tabela da Série B

- É um jogador que tem qualidade técnica para fazer a função. A gente tinha uma possibilidade de algumas outras funções. Acho que ele deu a consistência que a gente pediu, desempenhou bem. Quando se perde, vai começar a ver algum detalhe. Eu prefiro ver as coisas de uma maneira muito clara. Fizemos um jogo para vencer, o goleiro deles fez três ótimas intervenções. Dentro daquilo que tínhamos como possibilidade, fizemos bem - analisou.

MAIS DECLARAÇÕES DE ENDERSON

Substituição de Guilherme Santos no intervalo
- A gente tem que perceber quando o jogador às vezes sai da linha da competitividade e talvez se exalte um pouquinho. Não vi o que aconteceu mas o Guilherme ficou bem exaltado. Quando o jogador perde o controle nós devemos ter cuidado. A gente definiu por tirá-lo para ele se acalmar. Não é maldade nem nada, o jogador quer muito vencer.

Últimas