Futebol Ao L!, Eduardo Oliveira fala sobre o momento do sub-20 do Fluminense e traça objetivo: 'Agora é chegar no G8'

Ao L!, Eduardo Oliveira fala sobre o momento do sub-20 do Fluminense e traça objetivo: 'Agora é chegar no G8'

Técnico sub-20 do Fluminense destacou a necessidade de se consolidar no Campeonato Brasileiro para se garantir nas quartas de final

Lance
Lance

Lance

Lance

Se o começo do Fluminense no Campeonato Brasileiro sub-20 foi irregular, o momento, agora, é promissor. Nos últimos três jogos, o time conseguiu duas vitórias - sendo uma delas no clássico contra o Vasco - e um empate. Nessa sequência positiva, inclusive, o Tricolor conquistou sete dos 13 pontos que possui hoje na tabela de classificação.

> Veja jogadores do Fluminense que já foram convocados para as Olimpíadas

Em entrevista exclusiva ao LANCE!, o técnico Eduardo Oliveira lembrou que o início de temporada da equipe no Campeonato Carioca foi sólido. No entanto, com o início do Brasileirão, o Fluminense precisou se adaptar à nova rotina de treinamentos para disputar as duas competições. De acordo com o treinador, o grupo demorou "um tempo" para se adaptar, mas agora, conforme disse Oliveira, o momento é de evolução e de manter as boas atuações.

- A gente iniciou a temporada no Campeonato Carioca muito sólido, com uma equipe com jogadores que não tiveram tantas oportunidades de iniciar jogos pelo Fluminense. No Campeonato Carioca, a gente conseguiu bons resultados, boa pontuação. E aí quando chegou o Brasileiro, a gente teve que se adaptar a uma nova rotina de treinamentos, já que o Brasileiro passou a configurar o segundo jogo na semana - disse Eduardo, que ainda completou.

- Isso foi uma novidade para o grupo. Acredito que a gente demorou um tempo a se adaptar, mas o momento agora é de evolução, momento de continuar tendo atuações positivas, buscando gol, buscando resultados de vitória para que a gente possa pontuar. A gente já está muito próximo do G8 e objetivo agora é chegar no G8, se consolidar para que a gente possa buscar essa classificação e, consequentemente, a evolução da equipe - afirmou.

Fluminense x Vasco - Sub-20 - Yago

Fluminense x Vasco - Sub-20 - Yago

Lance

Garotos de Xerém comemoram a vitória sobre o Vasco (Foto: Mailson Santana/Fluminense FC)

Eduardo Oliveira ainda explicou que os jogadores que foram campeões do Brasileirão sub-17, em 2020, foram promovidos ao time sub-23 e, também, ao profissional. Contudo, aqueles que não tiveram tantas oportunidades no time que conquistou o Campeonato Brasileiro estão no sub-20. O técnico destaca que este é o processo de "maturar" os atletas e de dar chances a eles.

> Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

- Em relação aos jogadores que ano passado foram campões sub-17, o clube teve por estratégia ascendê-los, a maior parte da equipe titular, ao sub-23 ou ao profissional. Isso gerou uma oportunidade para jogadores que não vinham tendo tanta oportunidade nascidos em 2002 e até 2001.

- Alguns de 2003 que faziam parte daquela equipe campeã nacional do sub-17, mas que não tiveram tanta minutagem estão conosco. Aí também estão tendo oportunidade. Esse é o processo de maturar os jogadores, de dar oportunidades de quem vem tendo rendimento nos treinamentos para que a gente possa ter novos talentos surgindo para a equipe principal num futuro próximo.

Fluminense campeão brasileiro sub-17

Fluminense campeão brasileiro sub-17

Lance

Em 2020, o Fluminense foi o Campeão Brasileiro sub-17 (Mailson Santana / FFC)

Eduardo Oliveira também ressaltou a importância de ter calma com os jogadores do sub-20. O técnico revelou que já é possível ver o destaque de alguns atletas, mas ressaltou, novamente, que é um momento de maturação. Assim, ele acredita que esta temporada vai consolidar talentos e prepará-los para atuar, futuramente, no time profissional.

- A gente está começando a ver alguns jogadores tendo destaque. Isso é ainda precoce, acredito que eles estão em momento de maturação. Acho que essa temporada no sub-20 é uma temporada que vai consolidar alguns desses talentos e que o torcedor tenha paciência para que eles possam ter esse período para ganhar essa experiência.

- E aí sim, quando eles, de fato, subirem ao sub-23 ou à primeira equipe, eles estarem preparados para representar nesse nível mais elevado. E aí conseguir ter uma carreira e gerar os resultados que o clube espera com a promoção desses talentos.

Os Moleques de Xerém voltam a campo neste domingo, às 15h, contra o Santos, nas Laranjeiras. O confronto é válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro sub-20.

Últimas