França derrota Brasil e garante título antecipado em Torneio Internacional

Treinadora Pia Sundhage perdeu sua invencibilidade no comando da Seleção Brasileira

Lance

Lance

Lance

O reencontro com as algozes da última Copa do Mundo não foi como o esperado. Com Marta no banco e muitas mudanças, Brasil foi derrotado pela França por 1 a 0, conheceu a primeira derrota com Pia Sundhage no comando da seleção feminina, e viu as francesas garantir, de forma antecipada, o título do Torneio Internacional da França de futebol feminino. Gauvin marcou o gol da vitória para as donas da casa.

Com o resultado de Holanda e Canadá, que empataram neste sábado, mais cedo, por 0 a 0, a França somou 6 pontos e foi campeã do Torneio Internacional com uma rodada de antecedência. O Brasil volta aos gramados para encerrar sua participação na competição na próxima terça-feira, às 15h, contra o Canadá.

O JOGO

Empurrada pela torcida, a França pressionou o Brasil desde o começo da partida, mas a Seleção mostrou muita evolução no sistema defensivo e conseguiu suportar bem a blitz das donas da casa. Com muitas mudanças e Marta no banco, a equipe de Pia não teve poder ofensivo e pouco assustou as anfitriãs do torneio.

A França garantiu a vitória, assim como em 2019 na Copa do Mundo, com um gol de bola aérea. Aos 9 minutos do segundo tempo, Majri fez boa jogada na ponta e cruzou. A zaga brasileira falhou e deixou Gauvin totalmente livre de marcação para marcar o gol do título. A Seleção Brasileira ainda teve um pênalti claro totalmente ignorado pela arbitragem no fim e saiu, de cabeça erguida, amargando o empate.