Lance Fórmula 1: GP da Espanha acontecerá em Madri a partir de 2026

Fórmula 1: GP da Espanha acontecerá em Madri a partir de 2026

CEO da F1 celebra anúncio e comenta futuro do circuito de Barcelona

Lance
Lance

Lance

Lance

A cidade de Madri será a sede do GP da Espanha a partir de 2026. A decisão foi anunciada pela Fórmula 1 nesta terça-feira (23). O circuito de Barcelona-Catalunha, que representa o país na organização de automobilismo atualmente, não será necessariamente excluído do calendário, segundo Stefano Domenicali, CEO da F1.

- Para evitar dúvidas, o fato de estarmos em Madri não exclui o fato de que poderemos continuar em Barcelona no futuro. Olhando para frente, há discussões para ver se estenderemos nossa colaboração com Barcelona, com quem temos ótima relação - afirmou ao site "F1.com".

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A pista de Madri será nos arredores do Centro de Convenções IFEMA, a 5 km do aeroporto Madrid-Barajas. O circuito terá 5,474 km, com 20 curvas que mesclam baixa, média e alta velocidades. A corrida passará por vias públicas e propriedades privadas. O tempo médio das voltas é de 1min32segs.

A projeção da Fórmula 1 é receber cerca de 110 mil torcedores por dia, número que pode ser ampliado para 140 mil espectadores. A organização destacou a corrida como "uma das mais acessíveis", informando que 90% do público poderá chegar através de transporte público.

- Madri é uma cidade incrível com uma maravilhosa herança esportiva e cultura. O anúncio de hoje dá início a um animador novo capítulo da F1 na Espanha - celebrou Domenicali.

Últimas